Cláudio Lacerda e Rodrigo Zanc cantam em programa do Terra Viva

DSC01434a
Rodrigo Zanc e Cláudio Lacerda entraram ao vivo para o quadro “Diversão e Arte”, do “Dia a Dia Rural” (Marcelino Lima)

Os cantores Cláudio Lacerda e Rodrigo Zanc participaram na manhã da sexta-feira, 13 de junho, do programa “Dia a Dia Rural”, ancorado por Tavinho Ceschi, no canal Terra Viva, emissora do grupo Bandeirantes. Ao vivo, eles cantaram “Triste Berrante”, de Adauto Santos e Solange Maria; “Chuá Chuá”, de Tonico e Tinoco; e “Bons Amigos”, de N.Ribeiro, M.Rivas, B. Rivas, L. Fraia. J. Reis. As duas primeiras fazem parte do repertório dos shows que Lacerda e Zanc escolheram para homenagear a dupla “Pena Branca e Xavantinho” em tributos que ambos vêm fazendo desde janeiro de 2010, quando, ainda ao lado de Pena Branca, iniciaram no SESC Pompeia uma série de apresentações baseadas em clássicos imortalizados pelos irmãos cujos nomes eram José Ramiro Sobrinho e Ranulfo Ramiro da Silva, respectivamente.

Tavinho Ceschi apresenta ao público do Terra Viva o álbum “Fruto da Lida”, que Zanc lançou em 2013 (Marcelino Lima)

Pena Branca (José Ramiro) morreria pouco mais de um mês depois, em 10 de fevereiro daquele ano. Xavantinho havia falecido em 8 de outubro 1999. O projeto, entretanto, foi mantido: Cláudio Lacerda e Rodrigo Zanc seguem levando a poesia da dupla que transformou em sucessos do universo caipira e regional composições como “Cio da Terra”, de Chico Buarque e Milton Nascimento, e “Vaca Estrela e Boi Fubá”, de Patativa do Assaré, entre outras.

Cláudio Lacerda e Rodrigo Zanc também formam com Wilson Teixeira e Luiz Salgado o grupo “4 Cantos”. Em carreira solo, Lacerda já gravou “Alma Lavada” (2003), “Alma Caipira” (2007) e “Cantador” (2010). Zanc é autor de “Pendenga” (2006) e no ano passado lançou “Fruto da Lida”. Durante o programa “Dia a dia Rural”, Ceschi apresentou ao público “Cantador” e “Fruto da Lida”.

Linque para ver o vídeo da apresentação: http://tvterraviva.band.uol.com.br/noticia.aspx?n=717839

DSC01436a
Ao final da apresentação dos violeiros, Tavinho Ceschi fez questão de posar com a dupla. E ouviu, de presente, fora do ar, “Bandeira do Divino”, de Ivan Lins. (Marcelino Lima)
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s