Barulho d'Água Música

Veículo de divulgação de cantores, duplas, grupos, compositores, projetos, produtores culturais e apresentadores de música independente e de qualidade dos gêneros popular e de raiz. Colabore com nossas atividades: leia, compartilhe e anuncie!

Noel Andrade toca e canta faixas de “Charrua” no “Dia Dia Rural”

Deixe um comentário

 

Noel 2

Noel Andrade, de Patrocínio Paulista, fixou moradia na Capital. No dia 27 de julho, ao lado de Renato Teixeira, ele se apresentará no SESC do Belenzinho

Noel Andrade, violeiro de Patrocínio Paulista (SP) residente na cidade de São Paulo foi o convidado da sexta-feira, 4 de julho, do quadro “Diversão e Arte”, do programa “Dia a Dia Rural”, apresentado por Tavinho Ceschi no canal Terra Viva, do Grupo Bandeirantes. Andrade estava acompanhado por Leandro Brito e, para abrir sua participação ao vivo, tocou com o amigo a instrumental “Magdala”, parceria dele com o matuto moderno Ricardo Vignini. Na sequência, de Rosinha Valença, cantou “Usina de Prata”, faixa que abre o álbum “Charrua”.

05766Ainda da mesma obra, Noel e Brito mostraram no estúdio situado no bairro paulistano do Morumbi o cururu “Ferreirinha na Viola”, terminando a cantoria com “Mãe Lua”, todas do “Charrua”. Um  segundo disco já está sendo produzido para lançamento em breve. Antes de o trabalho ser concluído, no entanto, o público terá a chance de prestigiar as virtudes de Noel Andrade durante o show que fará no dia 27 de julho, a partir das 18h30, ocasião em que receberá Renato Teixeira e o grupo Os Favoritos da Cátira, no SESC Belenzinho (rua Padre Adelino, 1000, a 500 metros do Metrô).

Clique no linque abaixo e assista a apresentação de Noel Andrade e Leandro Brito no “Dia a Dia Rural”

http://tvterraviva.band.uol.com.br/noticia.aspx?n=719981

Noel 5

Com o amigo Leandro Brito, Noel Andrade apresentou do álbum Charrua “Magdala”, “Usina de Prata”, “Ferreirinha na Viola” e “Mãe Lua” (Fotos: Reproduções do “Dia Dia Rural)

 

 

Anúncios

Autor: barulhomarcel

Jornalista nascido em Bela Vista do Paraíso (PR). Corintiano por herança do pai, Geraldo Caetano de Lima. Do velho também puxou a paixão por modas de viola, música de raiz e caipira, que era chamada de "sertaneja" antes da mídia comercial se apropriar, indevidamente, do nome. Quando criança ouvia aos pés da cama dele, vindas de um rádio à pilha que chiava muito, clássicos destes gêneros que marcaram para sempre a sua vida. Eu e Andreia Beillo não temos nada em comum. Para começo de conversa, ela torce pelo Palmeiras. Mas resolvemos juntos botar o pé na estrada e acreditar nas bençãos de São Gonçalo do Amarante e tentar encontrar na atividade de blogueiros dedicados à música de qualidade algo que nos una e ajude muita gente boa espalhada por todo este país, e lá fora, também, a ter seus méritos reconhecidos, resgatando e preservando valores de nossa cultura popular.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s