Barulho d'Água Música

Veículo de divulgação de cantores, duplas, grupos, compositores, projetos, produtores culturais e apresentadores de música independente e de qualidade dos gêneros popular e de raiz. Colabore com nossas atividades: leia, compartilhe e anuncie!

Anai Rosa e Thadeu Romano prestam homenagem ao “Rei do Baião” Luiz Gonzaga

Deixe um comentário

 

10583926_10152563707540446_4130677462537855286_n

Thadeu Romano e Anai Rosa vão se encontrar nesta quinta-feira, 31 de julho, no Espaço 7, situado na cidade de São Carlos, no Interior de São Paulo. Na apresentação que o sanfoneiro e a cantora farão a partir das 20 horas ambos vão homenagear um dos maiores nomes de todos os tempos da música brasileira, o pernambucano de Exu Luiz Gonzaga, nosso eterno “Rei do Baião”.

Gonzaga, que se eternizou pela interpretação entre outros antológicos sucessos de “Asa Branca”, dele e de Humberto Teixeira, morreu há 25 anos, no Recife, no dia 2 de agosto de 1989. Cantando acompanhado de sua sanfona, zabumba ou triângulo, “Lula” levou a alegria das festas juninas, dos forros de pé-de-serra, bem como a pobreza, as tristezas e as injustiças de sua árida terra, o sertão nordestino, ao resto do país, numa época em que a maioria desconhecia ritmos como o baião, o xote e o xaxado.

DSC01978a

Thadeu Romano toca vários ritmos no instrumento preferido por Gonzaga (Foto: Marcelino Lima)

Thadeu Romano vem trilhando com competência o caminho que Gonzaga fez com a sanfona. Além de vários shows e apresentações pelo país e no estado de São Paulo, incluindo o Réveillon de 2011 na Avenida Paulista (Capital), e em casas dos badalados bairros Pinheiros e Vila Madalena, esteve ainda em programas como o “Viola, Minha Viola” e Sr. Brasil. Nestas ocasiões , ele já tocou ao lado de nomes como Roberta Miranda , Yassir Chediak, Swami Júnior e em projetos de tributos a Pixinguinha e Édith Piaf, como o  “Ma Vie em Rose, Pequena Piaf”, com Priscila Lavorato (voz), André Penne (contrabaixo acústico) e Guto Visciano (violão).

Em 2013 esteve em Roma para conhecer suas raízes italianas. Naquela cidade, foi recebido pela tradicional “Famiglia Ottavianelli” (Simoni, Luca e Babbo Ottavianelli), fabricante de acordeons; o instrumento que ele trouxe na viagem de volta já foi tocado, inclusive, por Toninho Ferraguti. Virtuoso, ele executa ritmos que vão do jazz ao chorinho, e também ajuda a abrilhantar o trabalho de músicos de raiz e da vertente regional como Rodrigo Zanc e Wilson Teixeira, com os quais, recentemente, voltou ao palco do programa de Rolando Boldrin para gravações que ainda não foram ao ar.

DSC08962a


Anai Rosa é instrumentista formada pela Unicamp (Foto: Maribel Santos/A Tribuna de Araraquara)

Anai Rosa é instrumentista formada em viola de arco e violino pela Unicamp. De acordo com o Dicionário Cravo Albin, já faturou vários prêmios como “Melhor Intérprete” em diversos festivais nas cidades do interior de São Paulo. Anai Rosa integrou a Orquestra Sinfônica de Campinas, sob regência do maestro Benito Juarez, participou do grupo Soma, que se apresentava em várias cidades do interior de São Paulo e de Minas Gerais, e atuou, também, no grupo Farinha Seca. Ao lado do próprio Thadeu Romano, Swami Jr., Fabio Freire, Zé Pitoco e Henrique Araújo, ela já fez apresentações no SESC de “De Bico de Aço a Rei do Baião”, em outra homenagem ao “Grande Lua”

O Espaço 7 fica na rua 7 de Setembro, 1441, Centro de São Carlos. Para mais informações há o telefone (16)3307-5691

 

Anúncios

Autor: barulhomarcel

Jornalista nascido em Bela Vista do Paraíso (PR). Corintiano por herança do pai, Geraldo Caetano de Lima. Do velho também puxou a paixão por modas de viola, música de raiz e caipira, que era chamada de "sertaneja" antes da mídia comercial se apropriar, indevidamente, do nome. Quando criança ouvia aos pés da cama dele, vindas de um rádio à pilha que chiava muito, clássicos destes gêneros que marcaram para sempre a sua vida. Eu e Andreia Beillo não temos nada em comum. Para começo de conversa, ela torce pelo Palmeiras. Mas resolvemos juntos botar o pé na estrada e acreditar nas bençãos de São Gonçalo do Amarante e tentar encontrar na atividade de blogueiros dedicados à música de qualidade algo que nos una e ajude muita gente boa espalhada por todo este país, e lá fora, também, a ter seus méritos reconhecidos, resgatando e preservando valores de nossa cultura popular.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s