Barulho d'Água Música

Veículo de divulgação de cantores, duplas, grupos, compositores, projetos, produtores culturais e apresentadores de música independente e de qualidade dos gêneros popular e de raiz. Colabore com nossas atividades: leia, compartilhe e anuncie!

PERDEMOS. Alguém me diga que estou errada. (Socorro Lira)

Deixe um comentário

_2403_Socorro_Lira_01

Socorro Lira é uma das vozes mais atuantes na defesa da cultura popular e recebeu prêmios como o Europa 98 da Associazione Senza Frontiere por seu engajamento político e social no Brasil

Se formos um pouco mais realistas admitiremos que, no geral, a arte essencial não faz mais parte da vida das pessoas. Tentamos, de todas as maneiras, achar desculpas para justificar os teatros vazios e os botecos lotados.

A cultura de mercado que nos expropria de nossa subjetividade apostou em “consumidores de arte” e deu certo. E quando nos esvaziou de nosso desejo criador, mudou o nome da coisa para entretenimento. Que arte que nada!

Sobramos nós, “artistas”, com nossa solidão e visão comprometida. Tá difícil enxergar o ponto, mas somos órfãos, órfãs de uma indústria viva que nos abandonou quando lhe convinha.

Tem gente sensível que vai aos nossos shows, sim. E há quem vai nos prestigiar, não necessariamente por uma necessidade pessoal de expressão e comunicação através da arte. Todas são merecedoras de nossa total dedicação. E lá estamos nós, artistas, a reproduzir, ainda, o modelo estabelecido pelo mercado sem nem pensarmos nisto. Adoramos nossas canções e desejamos que as pessoas gostem delas. Por sorte, algumas gostam de algumas.

O que estamos comunicando, afinal?

Como vivenciarmos a arte “com” e não “para” as pessoas (essa entidade chamada público)?

A arte perdeu para o mercado e a grana pode tudo, até nos fazer mendigos(as) ante o famigerado poder midiático que nos ignora. Perdemos nosso local, nossa comunidade, nosso sentimento de pertença a um grupo. Pretensos seres alados de asas quebradas é o que somos. Mesmo voando, não raramente somos tomados(as) por um vazio compreensível, porque esse “sucesso” nem sempre dá conta das contradições que vivemos.

Quem devolverá a arte à vida?

Quem sabe nossa deliberada atitude de libertá-la do casulo e deixá-la habitar, de novo, as casas, nós e nossas almas. Isto é reconhecer que todos e todas somos natural e potencialmente criativos(as); e que podemos e devemos cultivar esse bem por enquanto confiscado e destinado a “especialistas” como eu, na “arte de fazer arte”.

Que esperança tenho, eu, de alguém ler esse post? Nenhuma.

arquivo_20

Foto: Patrícia Ribeiro

Socorro Lira é cantora, nascida em Brejo do Cruz (PB), atualmente residente em São Paulo, é  vencedora da categoria Melhor Cantora Regional do  23º Prêmio da Música Brasileira, entregue no Teatro Municipal do Rio de Janeiro, em 2012. Em 13 anos de carreira, já gravou dez álbuns autorais e apresentou-se em vários países da América Latina, Europa e África. Em 1998 recebeu o Prêmio Europa 98 da Associazione Senza Frontiere por seu engajamento político e social no Brasil. Formada em Psicologia pela Universidade Estadual da Paraíba, poetisa, compositora, intérprete, instrumentista e produtora cultural, é autora do Projeto Memória Musical da Paraíba. Sob essa inspiração, trabalha com artistas e grupos de cultura popular naquele Estado.

Anúncios

Autor: barulhomarcel

Jornalista nascido em Bela Vista do Paraíso (PR). Corintiano por herança do pai, Geraldo Caetano de Lima. Do velho também puxou a paixão por modas de viola, música de raiz e caipira, que era chamada de "sertaneja" antes da mídia comercial se apropriar, indevidamente, do nome. Quando criança ouvia aos pés da cama dele, vindas de um rádio à pilha que chiava muito, clássicos destes gêneros que marcaram para sempre a sua vida. Eu e Andreia Beillo não temos nada em comum. Para começo de conversa, ela torce pelo Palmeiras. Mas resolvemos juntos botar o pé na estrada e acreditar nas bençãos de São Gonçalo do Amarante e tentar encontrar na atividade de blogueiros dedicados à música de qualidade algo que nos una e ajude muita gente boa espalhada por todo este país, e lá fora, também, a ter seus méritos reconhecidos, resgatando e preservando valores de nossa cultura popular.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s