Voa para fora da asa Manoel de Barros (MT), o poeta das coisas do chão

Manoel PB
Nascido em Cuiabá (MT), Manoel de Barros viveu a maioria dos anos no vizinho estado de Mato Grosso do Sul. A morte, aos 97 anos, carregou uma das mais belas e talvez a mais peculiar e desapegada forma de escrever poesias em todos os tempos no Brasil

O Barulho d’água Música hoje não iria abrir o boteco, em respeito ao poeta Manoel de Barros, que emplumou e virou de vez um passarinho, ave para a qual ele se dizia ser aparelhado para gostar. Então, de forma simples, por meio de alguns dos poemas dele, deixamos aqui nossa homenagem a um dos maiores poetas do nosso país, imaginando a festa que devem estar fazendo no céu para recebê-lo o próprio Deus, Manoel de Barros, Carlos Drummond de Andrade, Mário Quintana, Cora Coralina, José Paulo Paes…

Continue Lendo “Voa para fora da asa Manoel de Barros (MT), o poeta das coisas do chão”