Antônio Galba leva a Goiânia canções de Caçador de Luas e de Tribuzana, com Bráu Mendonça e Victor Batista

arte galba
Autodidata em vários instrumentos, o músico Galba levará sons de diversas tendências a Goiânia, onde vai se apresentar com Bráu Mendonça e Victor Batista (Foto: Marcelino Lima)

 

O multi-instrumentista e compositor Antônio João  Galba (MG), em parceria com Bráu Mendonça (SP) e Victor Batista (MG), vai se apresentar em Goiânia (GO) nos próximos dias 8 e 9, em ambas as datas a partir das 20 horas, como convidado da Oficina Cultural Geppetto. Galba promove um lírico trabalho composto de diferentes estilos musicais com influências africanas, asiáticas, mouriscas e nordestinas que executa com maestria ao som de violinos, rabecas, bandolins, violas e violões, geralmente acompanhado por Mendonça. Natural de Guarda Mor, atualmente o músico vive em São Paulo. É irmão do violeiro Pedro Antônio, com o qual mais os amigos Márcio Pereira, Wellington de Faria e Walter Mateus fundou a banda Mina das Minas. O grupo gravou dois discos e na década dos anos 1990 excursionou pela Europa.​

Durante a infância em Guarda Mor, situada no noroeste mineiro, Galba já manifestava dons musicais. Sempre que ia campear o gado, o garoto saía cantando pelas invernadas entre os morros da fazenda, atento ao canto dos pássaros e aos sons da natureza. Disposto a se afirmar no braço do violão, Galba se mudou para Belo Horizonte. Na capital das Alterosas, iniciou a trajetória profissional participando de programas de calouros e compôs a primeira música da carreira. Ao ver o anúncio de um festival em Nova Lima compôs em seu quarto a canção e fez a inscrição, recebendo boa acolhida por parte do público.

A recepção o encorajou a seguir de vez na estrada da música e a se deslocar para São Paulo. Galba estuda partituras e teorias musicais, mas é autodidata que compõe, canta e toca por intuição. Esta capacidade de tocar vários instrumentos “de ouvido” o credenciou a acompanhar artistas que seguem os mais diferentes estilos musicais, permitindo apresentações ao lado de  Zé Geraldo, Silvio Brito, Jorge Mautner, Paulo Simões, Jair Rodrigues e João Bá. Em 30 de abril, Galba tocou no Sesc Interlagos (SP) com João Arruda, Esther Alves, Danilo Bá, Nanah Correia e Levi Ramiro durante o show que marcou o retorno de Bá à estrada (após uma cirurgia, em março) com a participação, ainda, de Daniela Lasalvia

Depois da viagem ao Planalto Central, Galba e Mendonça tocarão no dia 17, a partir das 16 horas, para o projeto Mangue Cultural (rua Fidalga, 800, Vila Madalena, SP). Na capital goiana e em Sampa, o público ouvirá temas de Caçador de Lua (primeiro CD solo que conta com composições próprias e do conterrâneo Luiz Salgado, de 2012) e do instrumental Tribuzana (2014). Parte deste trabalho o mineiro teve a oportunidade de mostrar recentemente, ao vivo, no quadro Talentos do Jornal da Record News cujo âncora é Heródoto Barbeiro.

A Oficina Cultural Geppetto fica na Rua Mil e Treze, quadra 39, Lote 11, Setor Pedro Ludovico, em Goiânia

Clique no linque abaixo para assistir à apresentação de Galba e Bráu Mendonça no programa de Hérodoto Barbeiro:
10891808_376819919178289_1326467974373455637_n
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s