Amauri Falabella, violeiro urbano de Guarulhos (SP), completa hoje mais um aniversário

amaurifalabellarte
O aniversariante Amauri Falabella, cantor e compositor de Guarulhos, já possui três álbuns gravados. O quarto está no forno e trará parcerias refinadas como Katya Teixeira, com a qual vai se apresentar no final deste mês pelo Circuito Dandô Dércio Marques (Foto: Marcelino Lima)

O Barulho d’água Música envia neste domingo, 7, um abraço dos mais fortes até Guarulhos (SP), onde mora um dos violeiros mais bem conceituados e queridos na roda destes instrumentistas e no meio musical caipira e regional, o cantor e compositor Amauri Falabella. Autor de Ciranda Lunar (2001), Violeiro Urbano (2005) e Amauri Falabella (2009), ele está gravando mais um álbum que trará entre outras parcerias Consuelo de Paula (Pratápolis/MG), Katya Teixeira (São Paulo/SP) e Socorro Lira (Brejo do Cruz/PB).

Amauri Falabella  é vencedor do prêmio Especial do Júri Popular do Festival da Música Brasileira da Rede Globo com a música Brincos, que recebeu 60% da votação. Canta sobre as coisas nas quais acredita e da maneira que gosta. Com forte influência de variados estilos musicais como o do trio da Boa Terra (BA) Elomar, Xangai e Vidal França, além de Vital Farias (PB), e Dércio Marques (MG), hoje é considerado pela critica como um trovador.

Ciranda Lunar, um sonho acalentado por mais de vinte anos, foi produzido por ele mesmo com requinte e qualidade técnica, trazendo à tona todo o lirismo e suavidade de suas canções.

Violeiro Urbano reafirma o gosto pela trilha do trabalho anterior, mas deixa evidente a paixão de Falabella pela viola caipira. Fiel às raízes da música brasileira, o compositor prima pela riqueza dos arranjos e pelo traço comum que une todas as músicas: o respeito à natureza e o amor à simplicidade. A faixa que dá nome ao álbum explica o apego à viola caipira e o próprio titulo, pois Amauri Falabella, que sempre viveu na cidade grande, “sente uma coisa esquisita quando pega a viola” porque “sou passarinho sonhador, fiz meu ninho numa estrela, levo no bico pra longe toda a dor”.

Amauri Falabella é, também, um dos expoentes do Dandô Circuito de Música Dércio Marques, idealizado por Katya Teixeira, em 2013, e no final do ano passado agraciado com o Prêmio Brasil Criativo. Os dois estarão juntos mais um vez pelo projeto no dia 25 de junho, a partir das 19 horas, no anfiteatro da Biblioteca Monteiro Lobato , situada na rua João Gonçalves, 439, Centro de Guarulhos.

Parabéns, amigo Amauri Falabella e sucesso no novo projeto!

mundo arte cor

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s