615 – Victor Batista promove mais duas rodadas do Dandô Dércio Marques cantando em Guarulhos e em Campinas (SP)

11902588_10200945165947109_5548279342962296442_n
O cantor e compositor Victor Batista, mineiro radicado em Goiás, estará em São Paulo nesta semana para duas apresentações pelo Dandô Circuito de Música Dércio Marques, em Guarulhos, e, depois, em Campinas. No município da região metropolitana, Victor Batista será recepcionado por Amauri Falabella a partir das 19 horas da quinta-feira, 20 de agosto, no anfiteatro da Biblioteca Monteiro Lobato. Já na cidade do Interior, com João Arruda atuando como anfitrião, Victor Batista cantará na sexta-feira, 21, a partir das 20 horas, no distrito de Barão Geraldo. 

Victor Batista é cantor, compositor, arteducador, violeiro autodidata que trabalha pela formação de crianças, jovens e adultos na região de Pirenópolis (GO), onde reside atualmente. Suas raízes culturais vêm da família, com a qual cresceu em cantorias à beira do fogão. Já percorreu vários estados do Brasil e do exterior promovendo projetos culturais com os três álbuns autorais Além Serra do Curral, En’Cantando com a Biodiversidade e  Manchete do tico-tico; o terceiro valeu indicação da categoria Melhor Cantor Regional  do Prêmio da Música Brasileira, em 2014.

Dandô Circuito de Música Dércio Marques recebeu ao final do ano passado quando completava exatamente um ano de caravanas o Prêmio Brasil Criativo. Recentemente, mais seis cidades goianas entraram para o circuito (que agora abarca 33) composto por São Paulo, Minas Gerais, Goiás, Pernambuco, Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul, além do Distrito Federal. Katya Teixeira, a idealizadora, fomenta por meio das apresentações a circulação de música de qualidade inquestionável por todo o país, reunindo artistas de várias regiões, e, assim, cria intercâmbios, gerando novas plateias. Quem já se apresentou possui trabalhos reconhecidos e merece melhor projeção no panorama nacional, o que proporcionaria às pessoas acesso a outras linguagens e propostas produzidas fora da “grande mídia”.

Um artista sai de cada cidade e passa por todos os pontos do circuito, girando a roda de forma contínua. Cada edição conta sempre com um artista do local recebendo e abrindo o espetáculo para o convidado, em shows de aproximadamente noventa minutos. Ao final, um bate-papo entre artistas e plateia fecha a apresentação.

A cada novo show, transmite-se, ainda, o legado de Dércio Marques (Uberaba/MG), não apenas para a música, mas para toda a cultura popular brasileira. Dércio Marques morreu em julho de 2012, em Salvador (BA), deixando  uma grande escola que transcende a composição musical e poética e propõe, ainda, uma postura mais íntegra e solidária de viver, voltada tanto para a preservação da natureza, quanto para o aprimoramento espiritual de cada indivíduo, sem deixar de lado o engajamento político e social que costura um mundo mais justo e fraterno.

O Prêmio Brasil Criativo destacou o Dandô na categoria Artes de Espetáculo/Música,  em 3 de dezembro de 2014. Promovido pelo Ministério da Cultura, pelo Projeto Hub e pela 3M, contemplou 22 projetos perante um público de mais de 800 pessoas que foram à cerimônia no Auditório Ibirapuera (SP).

 

Victor Batista

pgapega
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s