Barulho d'Água Música

Veículo de divulgação de cantores, duplas, grupos, compositores, projetos, produtores culturais e apresentadores de música independente e de qualidade dos gêneros popular e de raiz. Colabore com nossas atividades: leia, compartilhe e anuncie!

628 – João Arruda (SP) fala sobre cultura popular e canta sucessos da carreira em nova rodada do projeto Imagens do Brasil Profundo

Deixe um comentário

joão arruda

O cantor e compositor João Arruda (Campinas/SP), que também é pesquisador e se define como sonhador inquieto, será a atração desta quarta-feira, 2 de setembro, do Imagens do Brasil Profundo, a partir das 20 horas, na Biblioteca Mário de Andrade, situada em São Paulo. A entrada é franca.

João Arruda é um artista múltiplo que se caracteriza pela irreverência e pela alegria. Ainda bem jovem, está completando em 2015 dez anos de carreira conhecida e apreciada inclusive fora do país, marca que vem comemorando apresentando o repertório do novo álbum que lançará em breve, Entre Violas e Couros. O disco será o terceiro da discografia autoral que inclui, ainda, Celebra Sonhos e Venta Moinho.

Entre Violas e Couros já começou a ser gravado, só com músicas ao vivo. Há composições de domínio público, de autores como João do Vale (MA), de Jacinto Silva (PE) e participações de e parcerias com amigos de estrada como Consuelo de Paula, João Bá, Levi Ramiro, Esther Alves, Ivanildo Vila Nova, Humberto Maracanãs, Giordano Mochel, Guga Cacilhas, Nina Neder, Pacían Montaño e Fernando Guimarães. As fixas trarão batuques de Minas Gerais, sambas de roda do Recôncavo Baiano, emboladas, repentes, sambas-lenço rurais paulistas, congadas, moçambiques, puxadas de rede, e bumba-meu-boi do Maranhão, animados pela irreverência e o carisma que têm se tornado as principais marcas do seu perfil. 

joao arruda esther alves

“A ideia é levar os ouvintes a percorrer trilhas nas quais conhecerão tradições diversas da América Latina, dentre outras histórias de vaqueiros e aboiadores, cantadores e cantadeiras que me inspiram, estimulam meu lado criativo e me faz sonhar e compor”, disse João Arruda. Durante sua passagem pelo auditório da Biblioteca Mario de Andrade, ele entremeará músicas dos três discos a um bate-papo com Marcatti sobre aspectos de sua obra relacionados à cultura popular, além de suas vivências (que incluem turnês pela Europa e América Latina, individualmente e como integrante da banda de pífanos Flautins Matuá) e influências de mestres como Dércio Marques, João Bá, Elomar Figueira de Mello, Sinhá Rosária e Tião Mineiro.

Parte do repertório dos três álbuns João Arruda cantou no Sesc de Campinas (SP), na manhã de domingo, 30, em show acompanhado pelo Barulho d’água Música. Na ocasião, ele convidou ao palco as amigas e parceiras Esther Alves e Nina Neder, contou causos e apresentou à plateia seu novo amigo, um cuatro venezuelano que Arruda estreava e confeccionado em Caxias do Sul (RS) por Agostinho Cardozo (Dominus Luthier) O instrumento ganhou o nome de Gauchito.

joão arruda e nina neder

Olhar aprofundado e amplo

O projeto Imagens do Brasil Profundo tem curadoria do historiador e sociólogo Jair Marcatti, que o desenvolveu com o intuito de por em debate por meio de músicas, de filmes, de manifestações populares e de objetos o Brasil por dentro, aquele país que nas palavras de Ariano Suassuna, escondido em rincões considerados profundos, é muito vivo.  Iniciado em 2014, na primeira temporada foram convidados violeiros para falar sobre as ligações de sua música com a cultura caipira. Em 2015, com a ampliação do programa, passaram a ser abordados outros aspectos das diversas culturas regionais do Brasil, agora desvendados em diferentes formatos: shows, bate-papos musicais, debates e palestras.

Ao invés de promover abordagens tradicionais, Marcatti prefere convidar músicos, documentaristas, diretores de cinema, ativistas culturais e pesquisadores da cultura popular que em comum nutrem um modo de olhar aprofundado e amplo sobre o Brasil e promovem  trabalhos de pesquisa e resgate das nossas mais entranhadas tradições. Com cada um dos participantes, Marcatti aborda aspectos do universo cultural brasileiro, de nossas trajetórias, continuidades e rupturas; daquilo que sem nenhuma pretensão definidora poderíamos chamar de identidades brasileiras, no plural, com a vantagem dos exemplos serem pontuados no calor da prosa, ao vivo, pelo som dos instrumentos, muitos artesanais, e pela apresentação de outras formas de expressão cultural.

As rodadas do Brasil Profundo são quinzenais. Depois de João Arruda, o público poderá curtir e conhecer o cantador Cláudio Lacerda, no dia 16 de setembro. Marcatti já convidou neste ano, entre outros, Katya Teixeira e Cássia Maria, Benjamin Taubkin, Luiz Salgado, Paulo Dias, Galileu Garcia Júnior, Ivan Vilela e José Miguel Wisnick. Até dezembro haverá ainda sessões com Jean e Joana Garfunkel, Consuelo de Paula, Trio José, Antônio Nóbrega, Renata Mattar (Companhia Cabelos de Maria) e Conversa Ribeira.   

Serviço
Imagens do Brasil Profundo
Bate-papo com o cantor, compositor e pesquisador multi-instrumentista João Arruda
Dia: 02/09, quarta-feira, às 20 horas
Local: Auditório da Biblioteca  Mario de Andrade
Rua da Consolação, 94, Centro, telefone (11) 3775-0002
Entrada gratuita

outra coisa foto velhaaa

Anúncios

Autor: barulhomarcel

Jornalista nascido em Bela Vista do Paraíso (PR). Corintiano por herança do pai, Geraldo Caetano de Lima. Do velho também puxou a paixão por modas de viola, música de raiz e caipira, que era chamada de "sertaneja" antes da mídia comercial se apropriar, indevidamente, do nome. Quando criança ouvia aos pés da cama dele, vindas de um rádio à pilha que chiava muito, clássicos destes gêneros que marcaram para sempre a sua vida. Eu e Andreia Beillo não temos nada em comum. Para começo de conversa, ela torce pelo Palmeiras. Mas resolvemos juntos botar o pé na estrada e acreditar nas bençãos de São Gonçalo do Amarante e tentar encontrar na atividade de blogueiros dedicados à música de qualidade algo que nos una e ajude muita gente boa espalhada por todo este país, e lá fora, também, a ter seus méritos reconhecidos, resgatando e preservando valores de nossa cultura popular.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s