Barulho d'Água Música

Veículo de divulgação de cantores, duplas, grupos, compositores, projetos, produtores culturais e apresentadores de música independente e de qualidade dos gêneros popular e de raiz. Colabore com nossas atividades: leia, compartilhe e anuncie!

654 – Julian Silva, gaúcho nativista de Restinga Sêca, canta o amor à terra e a eventos como a Primavera no álbum de estreia, lançado em 2011

Deixe um comentário

Figura1

A Primavera chegará, oficialmente, na quarta-feira, 23 de setembro, e chutará para escanteio o Inverno quando os ponteiros atingirem em Brasília (DF) 5h20. A estação considerada a mais charmosa e colorida dentre todas as quatro traz a exuberância das flores e outros fenômenos dos mais marcantes; em muitas tradições é associada tanto a renascimento, quanto aos viçosos dias da juventude, quando se vive o frescor da vida; historicamente, é pródiga em chuvas a princípio de bonança, mas que à medida que vem vindo o Verão, tornam-se mais intensas e frequentes. Músicos e artistas costumam se inspirar nestes dias para compor e se expressarem, e, um deles, é o jovem gaúcho Julian Silva, do município de Restinga Sêca, localizado na parte central do Rio Grande do Sul, na região que tem Formigueiro, Agudo, Dona Francisca,São João do Polêsine,Cachoeira do Sul e Santa Maria, à distância de 285 quilômetros da Capital, Porto Alegre.

Julian Silva canta com agudo sentimento, voz forte e marcante e uma das suas canções tem o título Cantador de Primavera, que pode ser ouvida em canais virtuais como o portal Palco MP3 e cuja letra cuja letra está reproduzida abaixo. A música faz parte do belíssimo álbum Um canto à terra, assinalado pelo simbologismo da genuína cultura nativista dos pampas quer sejam pelas expressões típicas do linguajar, cantadas em versos de pronunciado sotaque, quanto quanto pela utilização de instrumentos como a gaita (ou sanfona). O álbum saiu em 2011, cinco anos depois de Julian Silva pegar a estrada, aos 16 anos, quando debutou em festivais, alguns dos quais figurou entre os destaques e os premiados.

A vivência rural e o trabalho de classe aparecem retratadas nas composições, reforçando o aspecto regionalista de sua terra. As faixas de ricas harmonias, melódicas, tratam de temas cotidianos do campesino, do cultivo da terra à luta de classes, além, é claro, de relações humanas entre as quais pontifica o amor. Por meio de sua guitarra, Julian Silva brada poemas que encontram referências e influências em vários outros expoentes do Sul, mas não só, tais quais Miguel Bicca, Miro Saldanha, Mauro Moraes, Leonel Gomez, Luiz Marenco, Osvaldir & Carlos Magrão, Pedro Ortaça, Mano Lima, Renato Teixeira, Almir Sater, e Zé Ramalho. A gravação ocorreu na cidade de Santana do Livramento, no Estúdio MH, e o trabalho gráfico feito em Restinga Sêca por Flamarion Pahim e Gleise Cantarelli, respectivamente fotógrafo e designer. Para  mais informações há os telefones (55) 9645-6711 e (55) 3261-1118.

Cantador de Primavera, faixa de Um Canto à Terra, de Julian Silva

Cantou na estronca grande
Um Barreiro em suave alarido
E me chegou aos ouvidos
Confortante melodia
Me inundou de harmonia
O ressoar atrativo
Do cantar mais altivo
Da estação do colorido

E a primavera ganhou voz
Para cantar os amores
O doce cheiro das flores
A brisa trouxe pra morada
E o Barreiro falando da amada
Por entre os mates que tomo
Foi pousar num cinamomo
Pra milonguear seus ardores

Eu também cantei primaveras
Tal qual fez o João Barreiro
e descobri verdadeiro
Em minhas rimas ocultas
Que minhas milongas mais cultas
Trouxeram à tona
Pra num chiar de cambona
Matear em paz absoluta

Me entreguei pra guitarra
E trouxe a calma pras casas
O João Barreiro bateu asas
Cortando o céu foi embora
Todo encanto desta hora
Se quedou em silêncio
Pra recompor o que penso
E cantar a paz de agora

Previsões para a Primavera em 2015

Este ano, o fenômeno El Niño, causado pelo aquecimento da superfície do Oceano Pacífico na área equatorial, fará com que as chuvas se concentrem abaixo de uma linha que corta Mato Grosso, Goiás, a metade de Minas Gerais e três quartos do estado do Rio de Janeiro: a estação será ainda mais chuvosa no Mato Grosso do Sul e na Região Sul. A concentração das chuvas nessas áreas tenderá a favorecer o volume dos reservatórios de água que abastecem as cidades com maior população.

As mudanças do tempo não serão sentidas imediatamente. Conforme o meteorologista Bruno Miranda, do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC), chuvas mais intensas ocorrerão a partir da segunda quinzena de outubro. Até lá, o tempo seco deverá prevalecer. 

Em compensação, no Nordeste os açudes dos sertanejos continuarão com o volume baixo. O meteorologista Mamedes Luiz Melo prevê seca para a região, mas a estiagem não deverá afetar as áreas litorâneas do Nordeste, o Sul dos estados do Piauí, Maranhão e  Oeste da Bahia. Na Região Norte, o período chuvoso inicia-se nos meses de outubro e novembro, com o aumento gradativo das pancadas de chuva e da trovoadas. Segundo os meteorologistas, mesmo com as chuvas as temperaturas não deverão se alterar.

DSC09961a

Anúncios

Autor: barulhomarcel

Jornalista nascido em Bela Vista do Paraíso (PR). Corintiano por herança do pai, Geraldo Caetano de Lima. Do velho também puxou a paixão por modas de viola, música de raiz e caipira, que era chamada de "sertaneja" antes da mídia comercial se apropriar, indevidamente, do nome. Quando criança ouvia aos pés da cama dele, vindas de um rádio à pilha que chiava muito, clássicos destes gêneros que marcaram para sempre a sua vida. Eu e Andreia Beillo não temos nada em comum. Para começo de conversa, ela torce pelo Palmeiras. Mas resolvemos juntos botar o pé na estrada e acreditar nas bençãos de São Gonçalo do Amarante e tentar encontrar na atividade de blogueiros dedicados à música de qualidade algo que nos una e ajude muita gente boa espalhada por todo este país, e lá fora, também, a ter seus méritos reconhecidos, resgatando e preservando valores de nossa cultura popular.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s