Barulho d'Água Música

Veículo de divulgação de cantores, duplas, grupos, compositores, projetos, produtores culturais e apresentadores de música independente e de qualidade dos gêneros popular e de raiz. Colabore com nossas atividades: leia, compartilhe e anuncie!

664 – Sr. Brasil agora é também Cidadão de Guaíra, cidade paulista onde cantou pela primeira vez

Deixe um comentário

boldrin guaira

Há pouco mais de dois meses homenageado com um belo programa especial, gravado no auditório da Sala São Paulo, na Capital paulista no dia 20 de julho e levado ao ar em 20 de setembro para comemorar 10 anos do programa Sr. Brasil na TV Cultura, Rolando Boldrin recebeu na sexta-feira, 25, o título de Cidadão Guairense, concedido ao cantor, compositor, ator e escritor pela Câmara Municipal de Guaíra (SP). A honraria, aprovada por unanimidade, é indicação do vereador José Mendonça (PDT) e Rolando Boldrin a recebeu ao encerramento da II Feira do livro e  Fórum Regional de Educação de Guaíra, em solenidade que transcorreu no Instituto Oswaldo Ribeiro de Mendonça.

Sétimo broto de uma família cujos patriarcas tiveram doze filhos, Rolando Boldrin residiu na infância com pais e irmãos em Guaíra, situada a pouco mais de 60 quilômetros da cidade onde nasceu, São Joaquim da Barra. Costuma citar o município guairense como referência em sua formação cultural e recorda que lá começou a cantar formando a dupla Boy e Formiga — este personificado pelo irmão Leili. Veio de mala e cuia com apenas 16 anos para a Capital, e, sozinho, encarou trabalhos como sapateiro, como garçom, e como frentista, além de servir ao Exército em Quitaúna, hoje bairro de Osasco, cidade que se emancipou de São Paulo em 1962. Durante um ano e meio, trabalhou sem remuneração e conta que chegou a passar fome. 

Em Guaíra, havia (e há) muito peão de boiadeiro”, recordou Boldrin. “Na época era uma cidade muito pequena, com boiadas no meio das ruas de terra”, prosseguiu. “Eu tinha 7 anos, minha família não tinha rádio e as músicas que ouvia naquele tempo vinham do alto-falante da praça – rua 10, defronte à praça São Sebastião. Comecei a mexer com viola nessa época, porque toda cidadezinha do interior absorvia a música caipira tradicional, que eles hoje chamam de música de raiz”. Neste contexto Boldrin começava a fazer valer a vontade que nutria de cantar, tocar violão e “deitar prosa”. E ao atender ao que o próprio coração ditava, terminou por cultuar Guaíra várias vezes em sua obra, mencionando-a, por exemplo, em um crônica que ela é a cidade  “da primeira viola e da primeira lágrima”.

Declarações como estas convenceram o proponente José Mendonça a prestar o tributo a Rolando Boldrin. Em sua justificativa, o pedetista observou: “O Rolando Boldrin é ícone da cultura brasileira, temos de reverenciá-lo. Ele não esqueceu suas origens e é um exemplo para as futuras gerações”.

Ao tomar conhecimento do título, o Sr. Brasil enviou mensagem à Câmara Municipal agradecendo pela deferência. “Em Guaíra nadei pelado nos ribeirões, cacei passarinho, brinquei de pião, bolinhas de gude, e tive os primeiros contatos com a música por meio dos alto-falantes do saudoso Lacativa, além dos primeiros ponteios de viola”.

boldrin-kersys-1

Foto: Daniel Kersys

band meninos

Anúncios

Autor: barulhomarcel

Jornalista nascido em Bela Vista do Paraíso (PR). Corintiano por herança do pai, Geraldo Caetano de Lima. Do velho também puxou a paixão por modas de viola, música de raiz e caipira, que era chamada de "sertaneja" antes da mídia comercial se apropriar, indevidamente, do nome. Quando criança ouvia aos pés da cama dele, vindas de um rádio à pilha que chiava muito, clássicos destes gêneros que marcaram para sempre a sua vida. Eu e Andreia Beillo não temos nada em comum. Para começo de conversa, ela torce pelo Palmeiras. Mas resolvemos juntos botar o pé na estrada e acreditar nas bençãos de São Gonçalo do Amarante e tentar encontrar na atividade de blogueiros dedicados à música de qualidade algo que nos una e ajude muita gente boa espalhada por todo este país, e lá fora, também, a ter seus méritos reconhecidos, resgatando e preservando valores de nossa cultura popular.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s