Barulho d'Água Música

Veículo de divulgação de cantores, duplas, grupos, compositores, projetos, produtores culturais e apresentadores de música independente e de qualidade dos gêneros popular e de raiz. Colabore com nossas atividades: leia, compartilhe e anuncie!

838 – A notícia boa que não se comemora

Deixe um comentário

O Barulho d’água Música nos dois dias entre 26 e 27 de março alcançou tráfego de 1291 visualizações/1.100 visitas e 668/583, respectivamente, nossos recordes com 837 matérias desde que começamos as atividades, em junho de 2014. Com estes números, já atingimos antes de adentrar abril 29% de todo o movimento de 2015 (no ano passado foram 45.729 visualizações, contra as 13.390 atuais!), desempenho que perseguimos e estamos nos esforçando para estabelecer. Quanto mais altas estas estatísticas, obviamente, maior será a popularidade do blogue, facilitando, inclusive, a manutenção do trabalho, que passaria a ser minimamente rentável, atraindo, por exemplo, anunciantes ou patrocinadores que necessitamos para não baixar as portas do boteco e seguir informando e divulgando sem percalços por contas a pagar (sempre maiores que o escasso faturamento), com isenção e profissionalismo, sobre o universo da música independente e suas atividades correlatas.

Nossa meta não é apenas alcançar esporadicamente, mas estabelecer regularidade nestes patamares, firmando-nos de vez como canal de referência e um prestigiado veículo de comunicação. Estamos, claro, satisfeitos com os números destes dois dias, mas a notícia que permitiu atingi-los, se boa por esta ótica que regula a lógica dos negócios, não nos permite comemoração alguma, posto que está relacionada à morte da cantora e intérprete Mariana Avena, tema da atualização 836, óbito gerador de muita tristeza, comoção e até espanto entre amigos e fãs. “Chegamos lá” pela primeira vez, mas gostaríamos de ter obtido tamanha repercussão por meio da divulgação de um show, do lançamento de um álbum novo, de uma matéria que resgatasse ou valorizasse o perfil de um artista que se consagrou dedicando seu ofício à preservação e à valorização de tradições da cultura popular.

Seja como for, pelo menos cumprimos, mesmo com a notícia que se revelou trágica, nosso papel de informar, agindo com rapidez e procurando apurar o melhor possível o fato antes de publicá-lo, pilares do nosso árduo e zeloso trabalho diário. Lamentamos que o blogue, neste caso, por uma imperdoável desatenção da mídia, tenha sido talvez se não a única, a mais acessada fonte para muitas pessoas que ansiosas pela confirmação ou desmentido da notícia não a encontraram na mídia.

A memória e a obra de Mariana Avena não poderiam ser ignoradas e, assim, com pesar, é que saímos a campo, pois mesmo a morte tem seu peso e seu status de notícia que precisa ser dita. Posto isso comunicamos que nosso luto pela morte de Mariana Avena prossegue, mas como o dia a dia impõe que o trabalho prossiga, e já que temos este compromisso, que agora nos parece ter ficado ainda mais evidente, sigamos em frente, se possível, com sua confiança, e, claro, seu apoio! Há muitas belezas e projetos sonegados ou mal divulgados neste enorme e belo Brasil profundo precisando de atenção; há biografias e trabalhos de artistas como Mariana Avena que seguem à espera do devido reconhecimento, merecendo as flores em vida e o carinho e a devoção de todos nós quando partirem, antes, durante ou depois do combinado, com sua licença, Sr. Brasil, querido Rolando Boldrin!

013153_ad9700b75f984e45b7ffde5af7e3ab81

Anúncios

Autor: barulhomarcel

Jornalista nascido em Bela Vista do Paraíso (PR). Corintiano por herança do pai, Geraldo Caetano de Lima. Do velho também puxou a paixão por modas de viola, música de raiz e caipira, que era chamada de "sertaneja" antes da mídia comercial se apropriar, indevidamente, do nome. Quando criança ouvia aos pés da cama dele, vindas de um rádio à pilha que chiava muito, clássicos destes gêneros que marcaram para sempre a sua vida. Eu e Andreia Beillo não temos nada em comum. Para começo de conversa, ela torce pelo Palmeiras. Mas resolvemos juntos botar o pé na estrada e acreditar nas bençãos de São Gonçalo do Amarante e tentar encontrar na atividade de blogueiros dedicados à música de qualidade algo que nos una e ajude muita gente boa espalhada por todo este país, e lá fora, também, a ter seus méritos reconhecidos, resgatando e preservando valores de nossa cultura popular.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s