893 – Após dez anos sem gravar, Rolando Boldrin lança novo disco, em Sampa. Pode apostar: é para lamber os beiços!

O cantor, compositor e apresentador Rolando Boldrin (São Joaquim da Barra/SP), o querido Sr. Brasil, ocupará o palco da unidade Santana do Sesc da cidade de São Paulo para shows de lançamento (cujos ingressos já se esgotaram ) de Lambendo a Colher, álbum de dez faixas que gravou para o Selo Sesc, com o qual encerra uma década longe dos estúdios e comemora 80 aniversários. Em breves vídeos produzidos pela entidade e cujos linques disponibilizamos abaixo, Rolando Boldrin comenta uma a uma as canções que compõem o breve, mas significativo repertório, e explica os motivos que o levaram a produzir este que trata como “o disco de minha vida”, o 29° da consagrada carreira.

Neste trabalho o violeiro buscou memórias, um sentido, um momento mágico, um fato de grande importância em sua trajetória pessoal e artística. “Tudo o que registrei em disco foi porque eu gostei, segui minha vontade”, afirmou. “Já este trabalho conclui uma ideia, fecha um círculo de proposta sobre o que eu penso que é a música brasileira”, prosseguiu Boldrin. “Embora sejam apenas dez as músicas, elas dão toda a dimensão do que eu gosto: são lembranças gostosas tais como doce de infância, daqueles que você gosta tanto que quando acaba lambe a colher!”

encartelc
O encarte tem os traços do artista Elifas Andreato

O álbum estará à venda após os shows (veja a guia Serviço), com primoroso encarte assinado pelo artista gráfico Elifas Andreato. Entre canções de autoria própria (como Maria Isabel, samba inédito e que a censura do regime militar barrara em 1968), Boldrin reverencia nomes consagrados entre os quais Tom Jobim (que interpreta pela primeira vez, cantando Isso eu não faço), Geraldo Vandré (Canção Primeira, com acompanhamento de Luca Bulgarini ao violão), Noel Rosa (a inédita O Tal da Barata, mais Vila Isabel do Espaço, com letra psicografada do autor carioca de Três Apitos que partiu bem antes do combinado e música de Hervê Cordovil), e Ary Barroso/Bernardo Vivas e ainda Alvarenga, Ranchinho e Chiquinho Sales.

Serviço*

Rolando Boldrin lança Lambendo a Colher

Sábado, 25, 21 horas
Domingo,26, 18 horas
Endereço: Avenida Luiz Dumont Villares, 579, Santana, São Paulo
* Os ingressos para as duas noites de lançamento já estão esgotados.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s