Barulho d'Água Música

Veículo de divulgação de cantores, duplas, grupos, compositores, projetos, produtores culturais e apresentadores de música independente e de qualidade dos gêneros popular e de raiz. Colabore com nossas atividades: leia, compartilhe e anuncie!

950 – Katya Teixeira volta ao Sesc Belenzinho (SP) e recebe convidados para lançar Flores do Meu Terreiro

2 Comentários

A cantora, instrumentista e compositora paulistana Katya Teixeira ocupará o palco da unidade Belenzinho do Sesc de São Paulo na noite deste sábado, 13 de maio, para lançamento de As Flores do Meu Terreiro, nome que escolheu para o sexto álbum da carreira em cuja trajetória vem se destacando como ícone da música regional brasileira. Conhecida e querida tanto pela fibra, quanto pela generosidade que complementam seu indiscutível talento, Katya Teixeira não apenas representa uma bandeira em defesa da música independente e de qualidade: carrega-a, literalmente, pelo país afora e também pelo exterior, transmitindo e recolhendo por onde passa saberes e sonoridades que contribuem para revelar não apenas traços da mestiça identidade brasileira, mas descobrir o que em nós há de comum com outros povos. 

Desta forma e neste intercâmbio a garimpar novos e ancestrais valores pelo Brasil, o trabalho de Katya Teixeira tanto reflete as andanças – os quais acabam por serem incorporados à sua musicalidade — como é correia pela qual repassa os próprios. À medida que, ainda, presta reverência aos mestres populares que a influenciam em 23 anos de estrada, vem percorrendo nesta missão países da América do Sul e da Europa para promover shows, vivências e oficinas. Nascida em família de músicos e pesquisadores, portanto, estamos diante de um nome que personifica uma tríade brasileira e latino-americana (euro-afro-indígena) protagonista de um rico diálogo artístico no qual todas as linguagens não apenas se tornam possíveis, mas complementares e universais.

A apresentação está marcada para começar às 21 horas no teatro do terceiro andar e terá como convidados Consuelo de Paula, Paulo Nunes, Lígia Araújo, Rogério Santos, Monica Gouvêa, André Venegas. Estes músicos são alguns dos parceiros de Katya Teixeira na composição das 17 faixas de Flores do Meu Terreiro, financiado coletivamente pela plataforma Catarse e que conta também com as participações de João Evangelista Rodrigues, Gildes Bezerra, Beth Magalhães, Wander Porto, Paulo Matricó, Victor Batista e Catarina Basso. Neste novo álbum, Katya Teixeira conta que pretende resgatar a figura do menestrel/trovador e se apresentará compondo, cantando e tocando violão de 6 e de 7 cordas, violão requinto e tercino, violão requinto de cabaça, viola de cocho, cuatro, ronroco, rabecas e guitarrón uruguaio, com direção artística do barbatuque André Venegas e Ana Stinghen como assistente de direção. Os desenhos de luz ficarão a cargo de Cris Souto.

Flores do Meu Terreiro é o sexto disco solo (contando com Cantariar, lançado no mesmo espaço em abril de 2016 em comemoração aos 21 anos de carreira), mas trata-se do primeiro autoral de Katya Teixeira. Três dos anteriores receberam indicação ao Prêmio Profissionais da Música e ao Troféu Catavento (2012 e 2016), promovido na Rádio Cultura de São Paulo por Solano Ribeiro e a obra de Katya Teixeira reúne, ainda, inúmeras participações em álbuns de amigos e parceiros e em shows de artistas consagrados. Ela também assina vários projetos, entre os quais destaca-se o Dandô – Circuito de Música Dércio Marques,  que permite um intercâmbio e circulação de música popular em várias cidades brasileiras e países da América do Sul e Europa, reconhecido com o Prêmio Brasil Criativo do MINC/SEBRAE  como melhor projeto de Música na categoria Artes e Espetáculos (2014) e Prêmio Profissionais da Música nesta temporada

Quem já se apresentou no Dandô tem trabalhos consistentes e esmerados que merecem melhor projeção no panorama nacional, o que proporcionaria às pessoas acesso a outras linguagens e propostas produzidas fora da “grande mídia”. Um artista sai de cada cidade e passa por todos os pontos do circuito, girando a roda de forma contínua. Cada edição conta sempre com um artista do local recebendo e abrindo o espetáculo para o convidado, em shows de aproximadamente noventa minutos. Ao final, um bate-papo entre artistas e plateia fecha a apresentação.

A cada novo show, transmite-se, ainda, o legado de Dércio Marques (Uberaba/MG), não apenas para a música, mas para toda a cultura popular brasileira. Dércio Marques morreu em julho de 2012, em Salvador (BA), deixando uma grande escola que transcende a composição musical e poética e propõe, ainda, uma postura mais íntegra e solidária de viver, voltada tanto para a preservação da natureza, quanto para o aprimoramento espiritual de cada indivíduo, sem deixar de lado o engajamento político e social que costura um mundo mais justo e fraterno — tudo o que o mundo neste momento de tragédias ambientais mais clama.

O Teatro do Sesc Belenzinho fica na rua Padre Adelino, 1000, com acesso possível pela estação Belém da linha 3 Vermelha do Metrô. O ingresso custará R$ 20,00 (inteira), R$ 10,00 (meia-entrada)e R$ 6,00 (comerciário). O espetáculo Flores do Meu Terreiro terá duração de 1h30 e classificação etária  livre.

Ficha Técnica de Flores do Meu Terreiro

Katya Teixeira: Voz, violões de 6 cordas, tercino e requinto de cabaça, ronroco e guitarrón uruguaio
André Venegas (Barbatuques): Direção artística
Cris Souto: Desenhos de luz
Ana Stinghen: Assistente de produção

moinho

 

Anúncios

Autor: barulhomarcel

Jornalista nascido em Bela Vista do Paraíso (PR). Corintiano por herança do pai, Geraldo Caetano de Lima. Do velho também puxou a paixão por modas de viola, música de raiz e caipira, que era chamada de "sertaneja" antes da mídia comercial se apropriar, indevidamente, do nome. Quando criança ouvia aos pés da cama dele, vindas de um rádio à pilha que chiava muito, clássicos destes gêneros que marcaram para sempre a sua vida. Eu e Andreia Beillo não temos nada em comum. Para começo de conversa, ela torce pelo Palmeiras. Mas resolvemos juntos botar o pé na estrada e acreditar nas bençãos de São Gonçalo do Amarante e tentar encontrar na atividade de blogueiros dedicados à música de qualidade algo que nos una e ajude muita gente boa espalhada por todo este país, e lá fora, também, a ter seus méritos reconhecidos, resgatando e preservando valores de nossa cultura popular.

2 pensamentos sobre “950 – Katya Teixeira volta ao Sesc Belenzinho (SP) e recebe convidados para lançar Flores do Meu Terreiro

  1. Gracias Marcelino por seguir difundindo outros Brasis… Bjkas

    • Katya querida: a gente só não te segue Brasil adentro e mundo afora por que não temos rodinhas s nos pés como parece ser teu caso! Brincadeiras à parte, na verdade, apenas cumprimos com nossa tarefa de ajudar a jogar luz sobre a parte mais bela do país e das nossas tradições que se não fossem artistas como você permaneceria à sombra! Sucesso, sempre!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s