1091 – Vânia Bastos e Marcos Paiva Quarteto levam show consagrado ao Teatro Porto Seguro (SP)

Um dos projetos mais aclamados dos anos de 2016 e 2017,  Concerto para Pixinguinha está retornando à cidade de São Paulo ainda mais bonito, após ser repaginado em novos cenários e figurinos para única apresentação no concorrido Teatro Porto Seguro, prevista para a terça-feira, 7 de agosto. A partir de 21 horas, a cantora Vânia Bastos, ao lado de Marcos Paiva (que também assina a direção musical ) e banda interpreta clássicos do repertório de Pixinguinha, como Rosa, Carinhoso (que completou 100 anos, em 2017) e Urubu Malandro, além de temas menos conhecidos do compositor carioca como Samba de Fato, Isto É que É Viver e Fala Baixinho. A apresentação faz parte da turnê de divulgação do álbum homônimo lançado em 2016, vencedor do Prêmio Profissionais da Música na categoria de Melhor Álbum de Choro.

O espetáculo é uma comemoração dos anos de sucesso que a turnê vem acumulando desde a estreia, em 2013. Nestes cinco anos, Concerto para Pixinguinha  já encantou plateias de diversas capitais antes de ganhar registro em disco e se tornar um dos destaques do mercado fonográfico dos anos de 2016 e 2017, acumulando premiações e indicações. Vânia Bastos sobe aos palcos acompanhada pelo baixista Marcos Paiva e do trio que com o maestro formam o afinado quarteto —  César Roversi (sopros), Nelton Esse (vibrafone) e Jônatas Sansão (bateria). Com cenário repleto de projeções e novo figurino, Concerto para Pixinguinha, em breve, ganhará também registro em DVD.

O álbum homônimo já rendeu um videoclipe , dirigido por Pedro Jorge (cineasta premiado ao redor do mundo com o curta Diamante – O Bailarina) para a música Lamentos. A canção, composta por Pixinguinha em parceria com Vinícius de Moraes, é o primeiro single do álbum a ganhar versão em vídeo.

“Esse show é uma das maiores alegrias da minha carreira, tenho certeza de que o público sai de lá transformado. Acontece uma renovação nos sentimentos a cada concerto. Acontece comigo, com certeza com eles também”, declara Vânia Bastos. Com este projeto, a diva da música brasileira comemorou 30 anos de carreira desde que estreou como solista da banda de Arrigo Barnabé e se destacava como um dos expoentes da Vanguarda Paulista.

“Ele é tratado popularmente como gênio, além de ser tema de estudos acadêmicos, mas tem mais valor hoje que no final de sua vida”, observa Marcos Paiva sobre Pixinguinha. “Apesar do grande prestígio, na década dos anos 1930 e e 1940, quando o entretenimento começou a ser mais valorizado, houve um ‘embranquecimento’ do mercado”, complementou o baixista. “E por fatores históricos, Pixinguinha e sua turma se tornaram ‘tradição da cultura nacional’, que necessitava se modernizar.”

Concerto para Pixinguinha foi idealizado em 2013 pelos produtores culturais Fran Carlo Petterson Mello, hoje sócios do selo Conexão Musical. A morte do homenageado completava 40 anos quando eles vislumbraram a possibilidade de resgatar a grandeza da obra pixinguiniana e conseguiram o que se chama de “tiro na moeda”, tamanho é o sucesso da ideia até hoje, pois os convites para shows não se esgotam e vem se sucedendo em várias cidades brasileiras, sempre com lotações máximas. Em formato de álbum, ocorreu o lançamento no teatro J.Safra, em São Paulo, em agosto de 2016, e ao final daquele ano o disco já era apontado entre os melhores da temporada por críticos variados, tanto na imprensa especializada, quanto na blogosfera. Em abril de 2017, provou que os elogios eram merecidos: arrebatou em Brasília  (DF) o troféu de melhor álbum da categoria Choro do Prêmio Profissionais da Música, em festa celebrada no Cota Iate Clube.

Serviço:

Vânia Bastos e Marcos Paiva Quarteto – Concerto para Pixinguinha
Terça-feira, 7 de agosto
Teatro Porto Seguro
Alameda Barão de Piracicaba, 740, Campos Elíseos, São Paulo.
Telefone: 3226-7300.
Capacidade: 496 lugares
Duração: 70 minutos
Ingressos:R$ 80,00 (plateia)/R$ 60,00 (balcão/frisas).
Classificação: Livre
Bilheteria: De terça a sábado, das 13h às 21h e domingos, das 12h às 19h.
Formas de pagamento: Todos os cartões de crédito e débito (exceto Cabal, Sorocred e Goodcard).
Vendas Online: https://www.teatroportoseguro.com.br/programacao/shows/vania-bastos.html
Acessibilidade: 10 lugares para cadeirantes e 5 cadeiras para obesos.
Estacionamento no local: Estapar- R$ 20,00 (self parking)/ Clientes Porto Seguro têm 50% de desconto

Serviço de Vans: Transporte Gratuito Estação Luz -Teatro Porto Seguro

O Teatro Porto Seguro oferece vans gratuitas da estação Luz até as dependências do Teatro Porto Seguro.  Da estação Luz, à saída da  Rua José Paulino/Praça da Luz/Pinacoteca, vans personalizadas passam em frente ao local indicado para pegar os espectadores. Para mais informações, contate a equipe do Teatro Porto Seguro.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s