1360 – Cantador e compositor Cláudio Lacerda (SP) apresenta projeto virtual Canções para acordar o Sol*

#MPB #MúsicaCaipira #CulturaPopular #ViolaCaipira

Dono de uma das vozes mais marcantes dessa geração da nova música caipira, cantador e compositor se une a parceiros de estrada consagrados em projeto virtual inédito

* Com Luciana Gandelini e Carretel Music

As tradicionais audições aos sábados pela manhã aqui na redação do Barulho d’água Música, no Solar do Barulho, em São Roque (SP), começaram ontem, 27/2, com Canções para acordar o Sol, o mais recente álbum do cantador, compositor, instrumentista e pesquisador paulistano Cláudio Lacerda. Quinto da discografia de Lacerda, o álbum, que tem  participações de Mônica Salmaso e Rolando Boldrin, dá nome à série de apresentações virtuais (“lives”) que ele protagonizará às quintas-feiras entre 4 de março e 8 de abril, sempre a partir das 20 horas, pelos canais digitais Youtube e Facebook. O projeto, inédito, produzido pelo próprio artista, será coadjuvado por parceiros de estrada como Neymar Dias, Toninho Ferragutti, Rodrigo Zanc, Sérgio Turcão e Thadeu Romano. As apresentações fazem parte do projeto contemplado no edital ProAC Expresso Lei Aldir Blanc 39/2020.

Cláudio Lacerda pinçou canções importantes de sua discografia, composições de amigos, de importantes parceiros, de compositores esquecidos ou pouco lembrados, além de sucessos consagrados da música nacional para oferecer aos amigos e seguidores um repertório influenciado pela cultura do campo. A seleção também enaltece a importância de nos conectarmos à natureza para o bem das próximas gerações.

Defensor da cultura campesina, amante das orquídeas e zootecnista de formação em Botucatu (SP), Cláudio Lacerda apresenta em suas produções artísticas inspirações e aspirações do povo caipira e dele próprio, já que transita por este universo e dele provem, os lamentos da vida e os desafios do homem na lida da roça, sempre com um olhar delicado voltado à natureza, à preservação da identidade e às oralidades.

Em Canções para acordar o Sol os seis espetáculos revelarão um apanhado da música regional, rica em sonoridades e ritmos. A temporada começa com Canções para Acordar o Sol, que intitula o álbum homônimo que ele idealizou em parceria com o jornalista Luís André do Prado. Trará Neymar Dias e Toninho Ferragutti realizando homenagem a compositores da MPB que também valorizaram em suas obras um olhar para o Brasil interior.

O segundo espetáculo, Homenagem à moda paulista, que transcorrerá em 11/3, valoriza a obra e a biografia de alguns dos compositores da música caipira, baseado em releituras de seus maiores sucessos. No concerto seguinte, Tributo a Pena Branca e Xavantinho, presta homenagem à dupla que é considerada uma das mais autênticas e amadas do universo caipira, acompanhado pelo violeiro Rodrigo Zanc, em um repertório que transborda brasilidade.

Já o concerto Canções de Almir, Renato & Simões, em 25 de março, porá holofotes nas obras de Almir Sater, Renato Teixeira e Paulo Simões, representantes da música caipira contemporânea.

O penúltimo concerto online ao vivo, Olhos D’Água, em 1º de abril, busca sensibilizar os ouvintes por meio de canções regionais sobre a inadiável retomada de uma relação fundamental de respeito com nossos mananciais, para assegurar, assim, o bem estar das futuras gerações, inspirar a consciência ambiental para pautas que envolvam o uso da água e sua preservação. Olhos D’Água é também o nome de um dos projetos de Cláudio Lacerda, que, em 2014, ele levou a várias cidades paulistas, coincidentemente quando o Estado vivia uma das mais graves crises hídricas de sua história.

A derradeira rodada, em 8 de abril, Cantador, destacará o repertório autoral de Lacerda e de seus parceiros. As músicas evidenciam o compromisso que compositores contemporâneos como ele, pouco valorizados pela grande mídia, insistem em manter, para que não seja perdido o fio da meada da nossa história – que evolui, como poderá ser notado, porém com raízes profundas em nossa identidade cultural.

Para atender ao chamado da música, Cláudio Lacerda abandonou a carreira de zootecnista em 2000. Desde então, gravou cinco álbuns que contam com participações de Dominguinhos, Renato Teixeira, Rolando Boldrin, Pena Branca, Tinoco, Mônica Salmaso, Paulo Simões, Alzira e Tetê Espíndola, dentre outros.

Hoje com mais de 20 anos de estrada dedicados ao projeto pessoal de fomento da cultura brasileira, desde o lançamento do álbum Alma Lavada, já apresentava esta mistura de ritmos regionais e influências que vão desde Renato Teixeira, Almir Sater e Paulo Simões aos mineiros do Clube da Esquina, passando pelo rock rural de Sá e Guarabyra, e, indo mais longe, chegando à música caipira de João Pacífico, Elpídio dos Santos, Serrinha, Zé Paulo Medeiros, entre outros, sem deixar de mergulhar e revisitar, ainda, as contribuições de Belchior, Gilberto Gil, Chico Buarque e Sidney Miller, por exemplo.

Antes da pandemia da Covid-19, Cláudio Lacerda vinha promovendo sessões das mais concorridas do projeto ConSertão, série de concertos gratuitos ao ar livre nos quais interpreta clássicos da música caipira acompanhado por Orquestra Sinfônica e embalados em arranjos inéditos de Neymar Dias, que também é o solista na viola caipira. Nas duas edições do projeto foram realizados 10 concertos em cidades paulistas com público médio de 4.000 pessoas, viabilizados pelo ProAC ICMS.

Programação online às quintas-feiras, sempre às 20 horas, pelos canais youtube.com/claudiolacerdacantador e facebook.com/claudiolacerdacantador, com classificação livre

Mais informações: http://www.facebook.com/claudiolacerdacantador

Clique em Canções para acordar o Sol e leia mais sobre Cláudio Lacerda ou conteúdos a ele relacionados aqui no Barulho d’água Música:

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s