1496 – Walter Pinheiro e sua Gafieira do Pinheiro lançam álbum novo no JazzB, em São Paulo

#MPB #Samba #Gafieira #Choro #Baião #Jazz #MúsicaInstrumental #JazzB

*Com Tambores Comunicações

Flautista, saxofonista, arranjador e compositor paulistano, Walter Pinheiro está lançando a versão física de 2 por 3, seu terceiro álbum solo (a versão digiltal está nas plataformas desde agosto de 2020), premiado pelo ProAc e cujas dez faixas estarão no repertório de sua apresentação programada para começar às 21 horas deste sábado, 8 de janeiro, no tradicional JazzB, onde ocupará o palco acompanhado da Gafieira do Pinheiro. Walter e os amigos Zé Barbeiro (violão de 7 cordas), Robertinho Carvalho (baixo) e Vitor Cabral e Giba Favery (bateria) abrirão os trabalhos na casa situada na região central da cidade de São Paulo a partir das 21 horas, mesclando ao programa, também, músicas dos dois discos anteriores, Som Na Brasa e Regional Brasileiro, ambos de 2010. A intenção é resgatar e fazer pulsar no ambiente a alegria dos bailes de gafieira que agitavam as décadas dos anos de 1940 e 1950, com linguagem sonora bem brasileira marcada por choro, samba, baião, gafieira, samba-jazz e outros ritmos que não deixa sentado nem quem estiver fazendo chá de pêra.

Walter Pinheiro é formado em flauta pela Universidade Estadual Paulista (UNESP) desde 1997 e tem especialização concluída em 2002 na Berklee School of Music, situada em Boston, nos Estados Unidos da América. Quando lançou os dois primeiros fonogramas, em 2010, já apoiava seu trabalho em músicas que bebem de fontes diversas. Os discos encontraram respostas positivas da crítica especializada, como nas páginas da Folha de S. Paulo, para a qual Pinheiro promove “instrumental brasileiro contemporâneo”. O Tempo, veículo de Belo Horizonte, escreveu sobre “um trabalho de fôlego, feito com requinte de ourives”, e o Jornal do Brasil, na mesma linha, observou que o paulistano “atesta o fôlego do nosso som instrumental”.


Filho de professora de piano, Walter Pinheiro sempre teve, portanto, a música presente em sua vida. Começo a tocar com um violino, mas o trocou pela flauta doce, seguiu para a flauta transversal e, pouco mais tarde, chegou ao saxofone. Como músico, atuou ao lado de Raul de Souza, Claudete Soares, Nailor Proveta Azevedo, Léo Gandelman e Vanessa Falabella. Flautista, integrou a Orquestra Jazz Sinfônica de Diadema (SP), entre 2011 e 2013, e com ela participou Festival de Jazz de Montreux (Suíça), acompanhando também Hermeto Paschoal, ambos em 2011. Entre os projetos atuais nos quais se faz presente compõe a Orquestra de Frevo Capibaribe e a Freedom Big Band, que, em 2019, esteve no Festival Internacional Jazz a La Calle, em Mercedes (Uruguai). A Gafieira do Pinheiro abrilhanta a cena do choro paulista desde 2008 e entre outros eventos congêneres protagonizou o Festival Chorando Sem Parar, em 2015.

O JazzB fica na Rua General Jardim, 43, República, cidade de São Paulo, nas proximidades das estações Praça da República e Santa Cecília da linha 3/Vermelha do Metrô. O ingresso varia de R$15 (área externa) a R$35 (área interna), mais taxas de R$2,50 e R$3,50, respectivamente. Para mais informações há o número (11) 3257-4290.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Saiba como seus dados em comentários são processados.