1480 – Kátya Teixeira apresenta Violetas e Margaridas, concerto inédito, no Sesc Belenzinho

#MPB #CulturaPopular #VioletaParra #Chile #AlagoaGrande #MargaridaMariaAlves #PB

A cantora e compositora paulistana Kátya Teixeira fará três apresentações no Sesc Belenzinho, nos dias 3, 4 e 5 de dezembro, quando protagonizará o espetáculo Violetas e Margaridas. Além de marcar o aguardado reencontro com o público, a cantora ressaltou que esta série de apresentações trará, ainda, outras marcas representativas e significantes tanto na sua carreira de quase três décadas, como no aspecto pessoal para uma mulher, artista, com seus 50 anos de vida recém-completados. A importância desse concerto se expande ainda mais, pois durante as apresentações haverá a gravação, ao vivo, das canções que integrarão o sétimo álbum da artista. “Estar no palco é um momento sublime para mim e quando isso acontece após um hiato forçado de quase dois anos a emoção chega a ser indescritível”, comentou Katya entre os preparativos para o primeiro show presencial após a pandemia de Covid-19.

Continue Lendo “1480 – Kátya Teixeira apresenta Violetas e Margaridas, concerto inédito, no Sesc Belenzinho”

1477- Concha Acústica do Taquaral, em Campinas (SP), recebe música caipira no dia 27 de novembro

#MPB #MúsicaCaipira #ViolaCaipira #ViolaInstrumental #Campinas #ConchaAcústicaTaquaral #ProjetoOficinasdeMúsica Caipira #ProgramaRevoredo #USPFM

Apresentação do Projeto Oficinas de Música Caipira terá participação especial de João Paulo Amaral Trio

 Os alunos do projeto Oficinas de Música Caipira, realizado na Escola Estadual Francisco Barreto Leme, situada no distrito de Joaquim Egídio, em Campinas (SP), realizarão apresentação gratuita na Concha Acústica do Taquaral neste sábado, 27 de novembro, a partir das 17 horas. O público poderá ouvir clássicos como O Menino da Porteira, Chico Mineiro, Romaria, e conhecer também o trabalho do João Paulo Amaral Trio. João Paulo Amaral é professor de viola caipira e coordenador artístico do projeto Oficinas de Música Caipira. Neste concerto levará ao palco algumas músicas do seu álbum mais recente, Aço da Terra, gravado com seu trio formado por Alberto Luccas (baixo acústico) e Cleber Almeida (bateria), além de receber outros convidados. O músico natural de Mogi das Cruzes (SP) está completando 20 anos de carreira dedicados à viola caipira (viola de 10 cordas) e possui experiência nacional e em palcos de Portugal, Espanha, México, Inglaterra e Estados Unidos. É pesquisador e compositor que se destaca por propor novos caminhos musicais para esse instrumento centenário. Pós-graduado em Música pela Universidade de Campinas, defendeu o primeiro mestrado sobre a viola caipira do país, com pesquisa sobre o violeiro Tião Carreiro.

Continue Lendo “1477- Concha Acústica do Taquaral, em Campinas (SP), recebe música caipira no dia 27 de novembro”

1465 – Catedral da Sé retoma série acústica Concertos Cripta, gratuitos, no coração de Sampa

#MPB #MúsicaClássica #MúsicaErudita #CatedraldaSé #SãoPaulo #CulturaPopular

Apresentações de peças clássicas estavam interrompidas devido à pandemia de Covid-19 e marcam o centenário de inauguração das 32 câmaras mortuárias que abrigam Dom Paulo Arns, Regente Feijó e o Índio Tibiriçá, entre outros personagens paulistanos

O projeto Concertos Cripta da Catedral da Sé, situada no marco zero da cidade de São Paulo e que estava interrompido por conta da pandemia de Covid-19, foi retomado em outubro e até o final de novembro oferecerá concertos acústicos gratuitos, previstos para começar às 16 horas, sempre aos sábados. Com lotação máxima de 50% da capacidade do ambiente, a distribuição do ingresso começa  por volta das 15 horas por ordem de chegada até que se preencham os 35 assentos liberados. Pelo linque https://concertoscripta.com.br/ é possível tanto fazer a reserva da entrada, quanto assistir às apresentações de forma virtual. Para o público que for prestigiar as atrações na Catedral, será exigido o uso de máscaras, entre outras medidas de proteção sanitárias.

Continue Lendo “1465 – Catedral da Sé retoma série acústica Concertos Cripta, gratuitos, no coração de Sampa”

1461 -Ricardo Vignini (SP) dá mais um chega prá lá! na pandemia e lança álbum com modas de viola próprias e inspiradas em mestres como Índio Cachoeira e Tião Carreiro

#MPB #ViolaInstrumental #ViolaCaipira #Cururu #Cateretê #Chamamé #PagodedeViola #ZédoRancho #CulturaPopular #Bambico #ÍndioCachoeira #HelenaMeireles #TiãoCarreiro #GedeãodaViola #ZéDoRancho #Carreiro

Operário das dez cordas”, que durante o isolamento imposto pela trágica doença já gravara três discos, agora brinda amigos e fãs com Raiz, novo projeto já disponível nas plataformas digitais e em versão física

Raiz, novo álbum do compositor e violeiro paulistano Ricardo Vignini, chegou hoje, 29 de outubro, às plataformas digitais. Dedicado a ritmos tradicionais caipiras como cururus, cateretês, chamamés e pagodes de viola, o disco traz 13 faixas instrumentais e também está disponível em versão física, além de livro com transcrições das partituras e tablaturas escrito pelo violeiro Domingos Salvi, ambos distribuídos pelo selo Folguedo, de Vignini, junto com a Tratore, e que podem ser adquiridos em www.ricardovignini.com.br. Participam do disco Antônio Porto (baixo e violões), Rafael Schmidt e Ney Couteiro (violão), e Fábio Tagliaferri (viola de arco). A inspiração para produzi-lo veio de composições de viola caipira do saudoso Índio Cachoeira — amigo e parceiro de estrada e de gravações e para o qual Vignini produziu vários discos – dos álbuns do Gedeão da Viola, Zé do Rancho, Bambico, Helena Meireles, e sucessos instrumentais de Tião Carreiro.

Continue Lendo “1461 -Ricardo Vignini (SP) dá mais um chega prá lá! na pandemia e lança álbum com modas de viola próprias e inspiradas em mestres como Índio Cachoeira e Tião Carreiro”

1454 – Marina Ebbecke (SP): “A viola me trouxe uma autoestima que não sentia tocando outro instrumento”

#MPB #VioleirasdoBrasil #ViolaInstrumental #Viola #Jundiaí #CulturaPopular

Um grupo que tem à frente as mineiras Cláudia Morais (Ituiutaba), Letícia Leal (Belo Horizonte) e Sol Bueno (Moeda), a goiana Paula de Paula (Goiânia) e a pernambucana Laís de Assis (Recife), entre outras, criou o canal Violeiras do Brasil, iniciativa cuja meta é conectar em rede nacional o máximo possível de outras violeiras do país. Elas buscam a devida valorização do segmento feminino da viola e da mulher musicista, produtora e gestora e também agregam em suas fileiras Marina Ebbecke, paulistana atualmente morando em Jundiaí, no Interior paulista e que no final de setembro protagonizou ao lado de Fabiola Ognibeni e Vitória da Viola o concerto Viva Helena! do projeto Violas Fora da Caixa, promovido pelo Sesc Instrumental Brasil, em homenagem a Helena Meireles.

Continue Lendo “1454 – Marina Ebbecke (SP): “A viola me trouxe uma autoestima que não sentia tocando outro instrumento””

1452 – Consuelo de Paula (MG), com Adriana Holtz, canta ao vivo em transmissão virtual do Estúdio 185 Apodi, em São Paulo*

#MPB #CulturaPopular #Poesia #Moçambique #Congada #Pratápolis

* Com Eliane Verbena, Verbena Comunicação

Canções de vários álbuns e parcerias de Consuelo de Paula, de expoentes da Música Popular Brasileira e duas inéditas, ambas integrantes de um novo álbum em gestação, estarão no repertório que a cantora, compositora e poetisa apresentará no sábado, 16 de outubro, a partir das 21 horas, com transmissão ao vivo do Estúdio 185 Apodi, situado na cidade de São Paulo. Os fãs e amigos de Consuelo de Paula poderão sintonizar Consuelo Maryákoré de Paula pelo canal Youtube da mineira de Pratápolis que neste ano se dedicou intensamente ao trabalho de criação e vivenciou novidades e alegrias a começar por Maria Bethânia lançando Sete Trovas, canção dela com Rubens Nogueira e Etel Frota.

Continue Lendo “1452 – Consuelo de Paula (MG), com Adriana Holtz, canta ao vivo em transmissão virtual do Estúdio 185 Apodi, em São Paulo*”

1442 – Acatum se apresenta ao vivo na Casa Museu Ema Klabin (SP)*

#improvisacionconseñas #improvisaçãocomsinais #oficinaacatum #acatum #CulturaPopular

Com diferentes instrumentos, vozes e sopro, o grupo realiza composições espontâneas a partir dos sinais do regente

Cristina Aguilera, Mídia Brazil Comunicação Integrada

O Grupo Acatum vai se apresentar ao vivo como atração do Programa Tardes Musicais da Casa Museu Ema Klabin e da 15ª Primavera de Museus neste sábado, 25 de setembro, a partir das 16h30. O espetáculo restrito a menores de 16 anos terá transmissão gratuita pelo Canal do Youtube do Museu situado na cidade de São Paulo (SP) . Durante cerca de 60 minutos, os integrantes do Acatum combinarão guizos, chocalhos e atabaque para tecer um diálogo criativo entre o regente, seus gestos e os músicos/intérpretes. Para o público será possível ouvir música orgânica e espontânea, representante da pluralidade e riqueza dos ritmos.

O Acatum reúne brasileiros, argentinos, chilenos, uruguaios e equatorianos, pluralidade que reflete diretamente na sonoridade. É idealizado e dirigido pelo músico, compositor e educador Gui Augusto Pacheco desde 2017 e tem como referência trabalhos de Fernando Barba (1971-2021), do grupo Barbatuques, reconhecido internacionalmente pela linguagem única de percussão e música corporal, além de outros nomes da música como Naná Vasconcelos, Airto Moreira, Uakti e, especialmente, o músico argentino e fundador do grupo La Bomba del Tiempo, Santiago Vazquez.

Na Casa Museu Ema Klabin o Acatum terá em cena Remi Barbosa Chatain, Renata Fernanda Espoz Jerez, Domingo Duclos Aguilar, Wellington Conceição Santana, Victória Ferreira Alves, Bruno Duarte e Gabriel Draetta.   O espetáculo tem apoio cultural do Governo do Estado de São Paulo, por meio do ProAC ICMS da Secretaria de Cultura e Economia Criativa, e patrocínio da Klabin S.A.

1440 – Fábio Porte mergulha com a viola caipira no Choro e garimpa raridades de Ernesto Nazareth

#ViolaCaipira #MPB #Choro #Xote #Maxixe #Guarânia #Toada #RasqueadoPaulista #ErnestoNazareth

Álbum de 2017 traz releitura de Brejeiro, mas maioria das faixas passeia por composições menos afamadas do carioca

As tradicionais audições que promovemos aos sábados pela manhã aqui no boteco do Barulho d’água Música, no Solar do Barulho, em São Roque (SP), começaram neste dia 18 de setembro com Choro Caipira: Fabio Porte interpreta Ernesto Nazareth, um álbum de 10 faixas instrumentais lançado em 2017 e que pode ser ouvido clicando o ponteiro do mouse sobre o nome do disco. Porte é natural da cidade de São Paulo e mora em Jundiaí, cidade do interior paulista, onde protagoniza a carreira de músico como um dos melhores violeiros da atualidade. É autor, também, de Caboclo Folgado (2012), Jacarandá do Brasil (2013) e Trilhos da Vida (2015). Choro caipira… foi gravado com as participações de Fábio Mandika (violão de 7 cordas), Cássio Soares (percuteria) e Isaías Amorim (contrabaixo). É possível ouvir a homenagem de Porte a Nazareth também no sítio virtual do programa Revoredo, apresentado em 22/12/2017 pelo maestro José Gustavo Julião de Camargo nas emissoras de rádio da Universidade de São Paulo (USP) cujo linque estará disponível ao final desta atualização.

Continue Lendo “1440 – Fábio Porte mergulha com a viola caipira no Choro e garimpa raridades de Ernesto Nazareth”

1436 – Paulo Tó (SP) lança Galope, seu terceiro álbum, no palco virtual Itaú Cultural*

#MPB #Indie #ItaúCultural #Samba #Tango #GipsyJazz

 Apresentação contará com participações de Guilherme Kastrup, Marcelo Cabral, Rodrigo Campos e Mariana

No domingo, 12 de setembro, Paulo Tó estará a partir das 19 horas no palco virtual do Itaú Cultural para apresentar canções da sua discografia, com destaque para Galope, seu terceiro álbum que inicia  turnê de lançamento, marca nova fase do cantor e a parceria com Guilherme Kastrup na produção musical. Neste novo disco Tó revela amadurecimento inclusive como letrista, um trabalho coeso que reafirma algumas influências que já povoavam suas canções, mas arriscando e incorporando novas sonoridades. Galope foi gravado durante a pandemia de Covid-19 com nove canções autorais e uma versão de Atrás dos Tempos, do compositor português Fausto Bordalo Dias. Explorando linguagens a partir da MPB dos anos da década de 1970, em diálogo com o rap e a música eletrônica, essas canções convidam a uma viagem lírica, que reflete os impasses e sonhos vividos nestes tempos.

Continue Lendo “1436 – Paulo Tó (SP) lança Galope, seu terceiro álbum, no palco virtual Itaú Cultural*”

1435 – Só o antidepressivo não está ajudando, mano(a)? Aí: ouça Kleber Albuquerque. E sem moderações: não há contraindicações!

#MPB #MúsicaPsicoativaBrasileira #WesternSpaghetti #BangBangÀItaliana #CulturaPopular

O Barulho d’água Música recebeu da Sete Sóis Produções Artísticas, estabelecida em Atibaia (SP), os álbuns Os Antidepressivos Vão Parar De Funcionar e CONTRAVENENO, os dois mais recentes do cantor, compositor, e artista gráfico Kleber Albuquerque, o segundo gravado em parceria com Rubi. Kleber Albuquerque, que também escreve composições para o teatro, é paulista de Santo André indicado, em 2018, para o 29º. Prêmio da Música Brasileira e vencedor dos prêmios da Associação Paulista dos Críticos de Arte (APCA) e Coca-Cola Femsa, Suas canções já foram gravadas por artistas como Fábio Jr., Zeca BaleiroCeumarVanuza, Eliana Printes e Márcia Castro, entre muitos outros.

Continue Lendo “1435 – Só o antidepressivo não está ajudando, mano(a)? Aí: ouça Kleber Albuquerque. E sem moderações: não há contraindicações!”

%d blogueiros gostam disto: