851 – Paulo Netho e Dráusio Silva (SP) comemoram 30 anos de projeto concebido para provocar festas e “desmilitarizar” pensamentos

O recitador Paulo Netho e o cantor e compositor Dráusio Silva vão se reencontrar no sábado, 16 de abril, a partir das 21h30, no Espaço Versátil Multi Eventos, situado em Osasco, para celebrarem 30 anos da realização do primeiro Poemashow, parceria que promoviam na cidade declamando e cantando sucessos da MPB e do rock em meados da década de 1980, embrião da carreira que ambos passaram a desenvolver como poeta, essencialmente, no caso de Paulo Netho, e músico, no caso de Dráusio, um dos integrantes da banda Subtotal. A apresentação terá a participação do também cantor e compositor Salatiel Silva, que ao lado de Paulo Netho forma a Cara de Pavio Produções Artísticas e desenvolve os projetos Balaio de Doi2, Drops Urbano, e Ciranda de Cantigas.

Continue Lendo “851 – Paulo Netho e Dráusio Silva (SP) comemoram 30 anos de projeto concebido para provocar festas e “desmilitarizar” pensamentos”

Anúncios

823 – Caixa Cultural (SP) programa shows com Tetê Espíndola e Alzira E em comemoração ao Dia Internacional da Mulher

As irmãs Tetê Espíndola e Alzira E (Campo Grande/MS) estarão juntas entre 8 e 11 de março, em todos os dias a partir das 19h15, para apresentações gratuitas que a Caixa Cultural São Paulo programou para marcar mais uma passagem do Dia Internacional da Mulher. Tetê Espíndola (craviola) e Alzira E (violão) têm timbres de vozes diferentes e trajetórias singulares, mas uma íntima sintonia que permitirá ao público ouvi-las relembrando músicas de autorias próprias mescladas a clássicos do cancioneiro regional, ora em solo e, em outros momentos, protagonizando belos duetos.

Continue Lendo “823 – Caixa Cultural (SP) programa shows com Tetê Espíndola e Alzira E em comemoração ao Dia Internacional da Mulher”

814- Músicos de quatro estados estão em Uberaba (MG) para planejar nova temporada do Circuito Dandô ; no dia 20 todos sobem ao palco do TEU

Olhem ai, povos: foi divulgado o time de músicos que participará da apresentação de confraternização e encerramento do 2º Encontro Nacional do Dandô – Circuito de Música Dércio Marques,  que está sendo promovido desde ontem, 17, em Uberaba (MG), em uma nova realização da Katxerê Produções Artísticas, de São Paulo, e do Hotel Casa do Folclore, além da sempre inestimável colaboração do anfitrião Gilberto Rezende, incentivador da cultura popular, residente naquela cidade do Triângulo Mineiro. A partir das 20 horas do sábado, 20, subirão ao palco do Teatro Experimental de Uberaba Kátya Teixeira e João Arruda (SP); Valdir Verona, Cristiano Nunes e Giancarlo Borba (RS); Erick Castanho, André Salomão, Marcelo Taynara, Sol Bueno, Ricardo Rodrigues e Alexandre Bianchini (MG); e Victor Batista, Pedro Vaz, Isabella Rovo, Rosa Barros, Cabocla Inez (GO). Vai ser melhor do que carne seca com araticum!

Continue Lendo “814- Músicos de quatro estados estão em Uberaba (MG) para planejar nova temporada do Circuito Dandô ; no dia 20 todos sobem ao palco do TEU”

809 – Correios promovem em Brasília exposição que retrata 50 anos de carreira do artista plástico Elifas Andreato

O Museu Correios, situado em Brasília (DF), abriga desde 4 de fevereiro Elifas Andreato, 50 Anos, exposição que possibilita ao público contato com parte significativa da obra do artista plástico autodidata que é referência das mais importantes de resistência cultural e política do país. O nome de Elifas Andreato ganhou força e respeito no auge da ditadura militar, época na qual o paranaense já radicado em São Paulo encampou e reforçou lutas em várias frentes, não apenas para a restituição do regime democrático, mas também pela afirmação da identidade cultural brasileira. Os Correios patrocinam a mostra que poderá ser vista até 3 de abril no Planalto Central e depois será trazida ao público paulistano e das cidades da região metropolitana de São Paulo, que poderá contemplá-la no Centro Cultural Correios.

Continue Lendo “809 – Correios promovem em Brasília exposição que retrata 50 anos de carreira do artista plástico Elifas Andreato”

693 – Varal de Chita estreia em Osasco (SP) com repertório que promove encantamento, evoca o chão de casa e propõe o cultivo aos valores que nos iguala

O Grupo Varal de Chita Arte Cultural, formado pelo casal Alberto Camargo e Regina Vasques, pela filha Luísa Vasques e pela amiga da família Isa Ferreira costurou um repertório bem caseiro (no melhor sentido da palavra, o relativo à terra onde se habita e à qual deliciosamente pertencemos e estamos ligados) para tecer o espetáculo Reisal, oferecido em noite de estreia para amigos e admiradores no sábado, 17, na sede do Núcleo Pau Brasil Educação e Cultura, situado no bairro Jardim das Flores, em Osasco. Município distante 18 quilômetros de São Paulo, com acesso rumo ao poente pelas rodovias Castello Branco e Raposo Tavares, Osasco é berço fértil de artistas de várias vertentes, que lá nasceram ou o adotaram para reforçar o perfil de lugar efervescente já desde antes de sua emancipação da Capital, em 1962.  Dos quatro integrantes do Varal de Chita, Regina e Isa (vozes) e Alberto (violão e viola caipira) são militantes entranhados e parte da história cultural osasquense, com passagem pela Vila dos Artistas, coletivo de produção de arte, de cultura e de entretenimento que deixou saudades e funcionou até meados da década de 1980 no Jardim Cipava.

Continue Lendo “693 – Varal de Chita estreia em Osasco (SP) com repertório que promove encantamento, evoca o chão de casa e propõe o cultivo aos valores que nos iguala”

623 – Paulo Netho e Salatiel Silva levam repertório do Balaio de Doi2 ao Fliaraxá (MG) após lançamento de livro de parlendas do poeta

paulo netho araxá
Paulo Netho e Salatiel Silva farão duas apresentações no Sarau do Tamanduel (Fotos: Marcelino Lima/Acervo Barulho d’água Música)

Os músicos, poetas e compositores Paulo Netho e Salatiel Silva, que formam o Balaio de Doi2 e também integram o Recitadores Urbanos serão atrações nos dias 27 e 28 do Fliaraxá 2015, quarta edição do evento literário que neste ano celebrará os 50 anos da carreira da escritora Lya Luft e os 150 anos da cidade mineira anfitriã. Os eventos seguirão ao tema Imagina os livros, Imagina a Cidade e levarão ao público vários autores de renome nacional e internacional para debaterem itens como leitura, literatura e educação para crianças, jovens e adultos. Em ambas as datas Paulo Netho e Salatiel Silva estarão em ação entre 9h30 e 10h30, durante o Sarau do Tamanduel, no Auditório 01. As atividades para a garotada e marmanjos de plantão envolverão música, poesia e improvisação, no espírito de um programa de auditório, com participação da plateia e da mascote Tamanduel. O Fliaraxá transcorrerá entre 26 e 30 de agosto na Fundação Cultural Calmon Barreto, cujo endereço é Praça Arthur Bernardes, 10, centro de Araxá.

A dupla viajará para as Alterosas embalada pelo sucesso da tarde de autógrafos d”O Grande Livro das Parlendas”, que Paulo Netho lançou no sábado, 22, no Restaurante Sr. Glutton, situado em Osasco, na região Oeste da Grande São Paulo. O livro saiu pela Ciranda Cultural e reúne “parlendas decalcadas e reinventadas” pelo poeta. “Quando resolvi escrever este livro (…) não tinha a menor ideia da viagem que me propunha”, escreveu Paulo Netho aos leitores. “É como se, a cada parlenda lida e amada, uma senha me religasse ao menino que fui e ao menino que dorme feliz dentro de mim”, prosseguiu. “Como diria o mestre Câmara Cascudo, as imagens primeiras que as parlendas evocam são uma bênção, são o ‘apanágio da idade verde'”.

Como sempre ocorre nas apresentações de Paulo Netho, animadas pelas cantigas entoadas por ambos ao som do violão de Salatiel Silva, durante o evento em Osasco não apenas ambos despertaram os meninos que habitam, bem como vários adultos que acompanhavam seus filhos. A criançada, já é de praxe, normalmente interage com a dupla e se entrega às brincadeiras que Paulo Netho propõe, além de fazer coro às cantorias que evocam ainda gêneros literários como o trava-línguas, outras modalidades de jogos poéticos e cantigas de roda adaptadas para os espetáculos. Mas a mais intensas e marcantes emoções acabam por florescer, mesmo, é entre os maiores de idade –pais, tios, avós ou amigos dos piás que riem e se divertem sem nenhuma encanação, reações visíveis que rejuvenescem rostos e destrava corpos e transformam cada show em uma inesquecível sessão de volta “aos estados da infância”, como Paulo Netho gosta de dizer.

O Balaio de Doi2 e o grupo Recitadores Urbanos contam, ainda, com as participações dos músicos Ricardo Kabelo e dos irmãos Walter e Vinícius Bini e podem ser contratados para animar escolas, festas,  festivais, além de promover shows, pelos números de telefone 11 3698-5300 ou 11 99859-1430. Há mais informações disponíveis, ainda, em http://www.caradepavio.com.br e http://www.paulonetho.com

paulo netho figurinhas

Momentos de descontração marcaram a tarde de autógrafos que Paulo Netho protagonizou ao lado de amigos e admiradores na tarde do dia 22, em Osasco, d”O Grande Livro das Parlendas” (Fotos: Marcelino Lima/Acervo do Barulho d’água Música)

 Seja responsável pela mudança. Contribua com a Anistia Internacional. Torne-se um doador.

Ser um Defensor da Liberdade é colaborar para a continuidade da nossa defesa aos direitos humanos, em todo o planeta. Faça parte desta causa global. A mudança começa com você.  Saiba mais por meio de https://anistia.org.br/doe-agora/

anistia 2

Leve seu piá e sua criança interior ao SESC Jundiaí (SP) e experimente voar com as palavras de algodão do Balaio de Doi2

O Balaio de Doi2, composto por Paulo Netho e Salatiel Silva, apresentará nos próximos dias 11 e 12 de julho, a partir das 16 horas, De prosa em prosa: uma canção, no SESC Jundiaí (SP). O público, observa a dupla, não assistirá a um show tradicional, daqueles com palco e plateia, e sim a um passeio poético-musical, uma conversa amorosa que os dois do Balaio têm com as crianças e os seus adultos. Este formato é itinerante – vai ao encontro das pessoas – pois a intenção do Balaio de Doi2 é despertar estados de infância ofertando ao público palavras de algodão e canções que remetam, tanto o piá festivo, quanto o marmanjo reticente, à alegria das primeiras descobertas. Por meio desta conversa, ao pé de ouvido, toda porosa e fluída sobre o solo fértil das coisas espirituosas, o duo dá sua contribuição para deixar a vida mais leve e prazerosa.

Continue Lendo “Leve seu piá e sua criança interior ao SESC Jundiaí (SP) e experimente voar com as palavras de algodão do Balaio de Doi2”

Hoje assopramos a primeira velinha do Barulho d’água Música!

eu4cantosboldrin
O grupo do projeto cultural 4 Cantos, formado por Rodrigo Zanc, Cláudio Lacerda, Wilson Teixeira e Luiz Salgado é acompanhado de perto pelo blog, como quando esteve no programa Sr. Brasil, de Rolando Boldrin, um dos mais importantes divulgadores e incentivadores do universo caipira e regional (Foto: Andreia Beillo)

 

Hoje, 3 de junho, o Barulho d’água Música completa um ano de atividades. Neste período, contando com as colaborações de Ana Lúcia Fernandes e Elisa Espíndola (fotógrafas), Andreia Regina Beillo (relações públicas), dicas de consultoria e administração de José Carlos “Babu” Baia, e Thiago Barreto e compartilhamento de conteúdos com a revista eletrônica de cultura Kalango (Osni Dias/Atibaia-SP), produziu 514 matérias alusivas à cobertura de shows, à divulgação de apresentações, de eventos e de projetos, ao lançamento de álbuns, e registro de aniversários de cantores e de compositores, entre outros temas. De forma espontânea e independente, sem recursos, dotações publicitários ou outra fonte de sustentação, os blogueiros participaram de programas como o Sr. Brasil (de Rolando Boldrin, na TV Cultura), Dia a Dia Rural (de Tavinho Ceschi, no canal Terra Viva) e o Instrumental Sesc Brasil (de Patrícia Palumbo, no Sesc Consolação/SP), viajaram por várias cidades do país e promoveram inúmeras reportagens e entrevistas, além de pesquisas, sempre com o intuito de recolher a melhor e mais completa informação.

Desta forma, apesar das dificuldades e do árduo trabalho que muitas vezes consumiram jornadas integrais ao longo dos dias, incluindo sábados, domingos e feriados, constitui-se em um canal de comunicação produto de zelo profissional e de apurado trato jornalístico, já reconhecido, elogiado e respeitado em vários meios, com seguidores e visualizações em países dos cinco continentes, entre os quais o Laos, Cingapura, Tailândia e Vietnã!

O melhor deste período, entretanto, é a cada vez mais copiosa relação de amigos que o Barulho d’água Música conquistou, sem falar na prazerosa sensação de ter contribuído para o resgate e a divulgação, e consequentemente,  a valorização da cultura genuinamente popular; de manifestações que sobrevivem no seio de tradições  e que, embora não recebam a devida atenção dos média ou mesmo dos produtores culturais, autoridades e educadores, compõem ou ajudam a traduzir com mais fidelidade o perfil da brasilidade — ainda que este seja múltiplo e, aparentemente, bastante complexo, posto que deriva ou se forma a partir de várias raízes. Não é uma tarefa fácil e sugere para muitos que talvez seja uma utopia; talvez, seja, vá lá: sabemos, sim, que se assemelha a um sacerdócio (no sentido de exigir certo devotamento e entrega), mas estamos absolutamente à vontade, fazemos o que gostamos, exercemos a labuta com prazer e hoje, nesta data especial, renovamos nosso compromisso de seguirmos em frente por que estamos igualmente convencidos: você e o seu trabalho, na verdade, merecem nossos esforços,e  mais do que reconhecimento, precisam  de longos aplausos, em pé!

Alguns destes inúmeros amigos e apoiadores que colhemos neste período nos enviaram mensagens de congratulações e as compartilhamos abaixo. A todos vocês nosso muito obrigado!

As minhas felicitações ao blog Barulho d’águaesse canal da arte da cantoria e dos cantadores, que se materializa pelo trabalho do nosso querido Marcelino Lima, Andreia Beillo e colaboradores, malungos incansáveis, que  fazem desse espaço uma ‘porteira’ responsável pela difusão da boa e mais sincera música brasileira. Fica aqui a gratidão por ver o meu trabalho publicado, e pela oportunidade de conhecer tanta gente boa, artistas extraordinários, que dispensam o abraço da grande mídia e espalham a sua arte através de parceiros como esse blog, o suficiente para chegar aos ouvidos de muitos e muitos, e muitos ainda virão. Salve a arte dos cantadores, salve a arte dessa corrente maravilhosa e salve o blog Barulho d’água. Vida longa.

Déo Miranda, cantor, compositor e produtor cultural (Mogi das Cruzes/SP)

Barulho d’água brotando da fonte é uma dádiva da natureza trazendo a pureza e sonoridade da vida. Assim é o belo trabalho desenvolvido por esses queridos e atentos difusores das nossas andanças e cantorias por este país. Nas comemorações de 1 ano do blog Barulho d’Água o presente continua sendo nosso… Gracias, Marcelino, Andreia e toda a equipe dedicada e espalhar arte genuína por este terreiro virtual.

Katya Teixeira, cantora, compositora e pesquisadora, coordenadora do Dandô Circuito Dércio Marques de Música (São Paulo/SP)

Quando “ouço” o Barulho d’água, imediatamente penso nas criaturas que, com tanta paixão e cuidado, alimentam seus seguidores com as boas novas do universo cultural brasileiro. Marcelino Lima e Andreia Beillo, juntamente com seus colaboradores, são amigos queridos que merecem seguir firmes e fortes no segmento. Desejo vida longa ao Barulho d’água música.

Rodrigo Zanc, cantador e violeiro (São Carlos/SP)

Eu simplesmente adoro ouvir barulho d’água! Quando soube do blog com esse nome, pensei comigo que seria muita responsabilidade aos blogueiros! Pois o Barulho d’água dos queridos Marcelino Lima e Andria Beillo reverbera o som de um riacho lindo, calmo e de muito boa energia. Aliás, energia é que não os falta  para registrar e divulgar as cantorias de tanta gente boa por esse mundão! Parabéns pelo primeiro aniversário e muito obrigado pelo maravilhoso serviço prestado à nossa cultura. Que essa água continue correndo!

Cláudio Lacerda, cantador e compositor (São Paulo, SP)

Parabéns pelo primeiro ano de existência! Parabéns ao espaço-rio que carrega arte em seu leito. Parabéns ao espaço-mar que espalha puras ondas musicais. Que os próximos anos sejam oceanos; águas que unem e transportam notícias; embarcações de palavras cheias de instrumentos, melodias, canções e vozes.

Consuelo de Paula, cantora, compositora e poetisa (São Paulo/SP, Pratápolis/MG)

Neste dia 3 de junho é aniversário do blog Barulho d’Água Música uma aventura quixotesca comandada pelo jornalista Marcelino de Jesus Lima e sua fiel escudeira Andreia Beillo. O blog, mesmo sem recursos, presta um serviço inestimável às artes oferecendo semanalmente uma vasta agenda cultural. Além disso, o blog tem o mérito de cobrir os eventos in loco, simplesmente pelo respeito que tem com os seus leitores, coisa louvável. Quantas vezes nós, do Grupo Balaio de Doi2, fomos prestigiados com fotos e textos sobre o nosso trabalho. Por isso, do fundo do coração, desejamos que o Barulho d’Água Música prospere cada vez mais e que pessoas e empresas com capacidade de investimento ajudem o blog a ter vida longa.

Paulo Netho e Salatiel Silva, cantores, compositores, poetas e produtores de riso e de alegria (São Paulo/SP)

Garoto Conrtrabaixo

Banda Subtotal é atração do projeto Ecos Musicais, do Sesc do Buraco Quente (Osasco/SP)

Subtotal

O Sesc de Osasco apresentará na tarde deste domingo, 25, a partir das 16h30, show do Grupo Subtotal, dos manos Drausio e Douglas Silva, Gilberto Campos, Jurah di Anin, Marco Soledade (Pepito). Em Oz, nome pelo qual popularmente é conhecida Osasco, cidade da Grande São Paulo, talentos brotam em todas as áreas desde bem antes da chegada do trem trazendo o desbravador italiano Antonio Agu, e, na música, não deixa por menos. Tem tanta gente bem acima da média por lá que o Sesc até resolveu criar o projeto Ecos Musicais, que  propõe a divulgação de trabalhos autorais e de pesquisa musical de novos artistas da cidade e da região. Os trabalhos são selecionados dentre os diversos gêneros musicais de intérpretes, instrumentistas e compositores, com curadoria do trompetista Bocato.

Continue Lendo “Banda Subtotal é atração do projeto Ecos Musicais, do Sesc do Buraco Quente (Osasco/SP)”

Canções próprias e poemas de Maiakovski e Pessoa estão no repertório do Recitadores Urbanos para público do Sesc Campo Limpo (SP)

10900014_1569678559935989_2313347610469560391_o
Vinícius Bini (teclando o laptop), Paulo Netho (de verde), Walter Bini e Salatiel Silva ensaiam para as apresentações do Drops; afinando o contrabaixo do tio, o garoto João Pedro (Foto: Simone Bini)

O poeta Paulo Netho e o cantor e compositor Salatiel Silva quem lê e acompanha o Barulho d’água Música já conhece bem.  Paulo e Sala têm sido mencionados no blog como integrantes do projeto infantil Balaio de Doi2, no qual sempre contam com o auxílio luxuoso de Ricardo Kabelo.

Logo, falar ou escrever sobre estes dois, de saída, sugere boas gargalhadas como efeito colateral inevitável dos shows que promovem para a molecada, mas que também faz muito marmanjo rachar o bico até doer a barriga ou liberar o conteúdo da bexiga. De volta aos palcos após o recesso do final de ano, a dupla vai retomar a estrada em 2015 com mais duas apresentações no Sesc Campo Limpo, mas programadas para o público adulto.

Nos dias 23 e 30 de janeiro, ao lado dos irmãos Walter e Vinícius Bini (que, entre outros projetos, são parceiros de estrada do violeiro Wilson Teixeira , de Avaré/São Paulo), Paulo Netho e Salatiel vão estrear Drops, formando o Recitadores Urbanos. Em ambas as datas, a partir das 19 horas.

Drops é um espetáculo de poesia e música na veia e é destinado ao público adulto, informa o grupo em seu press-release. Nestes dois shows de sessenta minutos de duração cada, o público é convidado a embarcar na nau da poesia e da música que conversa com a vida cotidiana. Música e poesia, prossegue o tetxo, ajudam a desanuviar o dia, despertar corações adormecidos, provocar arrepios esquecidos engasgados num canto do olhar. “Poesia e música, como bem nos ensinou o poeta Manoel de Barros, pra voar pra fora da asa”.

Portanto, trata-se de um espetáculo no qual  a palavra falada e cantada são as grandes protagonistas. Claro que há humor, pitadas de erotismo, além de muita porrada e afeto, carinho e candura. No repertório, além de poemas e canções próprias, os Recitadores passeiam pela obra de outros poetas e compositores como  Arnaldo Antunes, Arnaldo Baptista, Fernando Pessoa e Maiakovski, entre outros talentos da música e da literatura.

“É uma retomada do trabalho que realizava antes da dedicação às crianças por meio do Balaio de Doi2, voltando às origens dos Poemashows, disse Paulo Netho ao blog. Os Poemashows consistiam em performances pessoais iniciadas em meados dos anos 1980, em alguns casos espontâneas e com muita improvisação. Estas apresentações ajudaram os amigos a se tornarem conhecidos e a conquistarem os primeiros admiradores, inicialmente, na região de Osasco, cidade situada na Região Metropolitana Oeste da Grande São Paulo.
balaio de dois curvas
Paulo Netho e Salatiel Silva durante apresentação do Balaio de Doi2, no bairro paulistano do Jaguaré  (Foto: Marcelino Lima)
we are pb

Continue Lendo “Canções próprias e poemas de Maiakovski e Pessoa estão no repertório do Recitadores Urbanos para público do Sesc Campo Limpo (SP)”