653 – Paranambuco (PR), grupo que toca blues e baião com atabaques, lança Orun Ayê no Paiol

paranambuco2222

Paranambuco, grupo de Curitiba que surgiu em 2010 e une os nomes dos estados do Paraná e de Pernambuco com intuito de estudar e apresentar ao público músicas que valorizam diferentes vertentes da cultura tradicional brasileira, com influências assumidas dos terreiros de umbanda, lançou o primeiro álbum na noite de domingo, 20, no palco do Teatro Paiol, em Curitiba. Orun Ayêtermo que de acordo com um dos seus integrantes, Fred Pedrosa, significa “entre o céu e a terra”,  possui arranjos nos quais se distinguem ritmos como coco, samba, baião, maracatu e xote, bem como ijexá, toruá, barravento, puxada de rede e jongo, entre outros que são populares no território nacional. Nota-se ainda influências de artistas contemporâneos como Kiko Dinucci e Criolo, além dos Novos Baianos, de Roque Ferreira e do Clube da Esquina.

Continue Lendo “653 – Paranambuco (PR), grupo que toca blues e baião com atabaques, lança Orun Ayê no Paiol”

650- Viola Quebrada (PR) lança “Meus Retalhos”, álbum com o qual percorrerá seis cidades paranaenses

viola qubrada 1
O Viola Quebrada  iniciou com shows em São Paulo e em Curitiba a turnê do show Meus Retalhos que marcará o lançamento do álbum homônimo, de 13 faixas, sexto trabalho do grupo que está estabelecido na capital paranaense. O Viola Quebrada é uma referência não apenas no Sul do país de boa música caipira e de raiz e entremeia a composições próprias clássicos como Flor do Cafezal e Queria, ambas de Luiz Carlos Paraná, que incluiu no repertório que trouxe ao auditório da galeria Itaú Cultural, em São Paulo, na noite de quinta-feira, 17 de setembro. Nesta apresentação, com as participações de Mari Amatti e Consuelo de Paula, a plateia ouviu, ainda, Valeu, de Paulo Leminski, e As mocinhas da cidade (Nhô Belarmino e Nhá Gabriela)*; Valeu se tornou conhecida em 1981 na voz de Paulinho Boca de Cantor (Santa Inês/BA) e As mocinhas da cidade é considerada como o segundo hino do Paraná.

Continue Lendo “650- Viola Quebrada (PR) lança “Meus Retalhos”, álbum com o qual percorrerá seis cidades paranaenses”

646 – Viola Quebrada (PR) inicia em Sampa turnê de lançamento do sexto álbum, “Meus Retalhos”

viola quebrada
O Grupo Viola Quebrada já é uma referência não apenas em Curitiba (PR), mas também em todo o sul do país de boa música caipira e de raiz e será o público paulistano quem terá a primazia de vê-lo apresentar o primeiro show da turnê do álbum Meus Retalhos, novidade que mostrará na noite de quinta-feira, 17 de setembro, a partir das 20 horas, no auditório da Galeria Itaú Cultural. Sexto disco do Viola Quebrada, Meus Retalhos reúne composições e arranjos inéditos para ritmos variados, elaborados nos mais recentes seis anos por Oswaldo Rios e Rogerio Gulin em 13 faixas que incluem as participações de Consuelo de Paula – que se apresentará com o grupo tanto em São Paulo, quanto em Curitiba — Paulo Freire, Rubens Pires, Etel Frota, Chico Lobo e Roberto Prado. 

Continue Lendo “646 – Viola Quebrada (PR) inicia em Sampa turnê de lançamento do sexto álbum, “Meus Retalhos””

635 – Recomendação do Barulho d’água: Comum de Dois, de Toninho Ferraguti e Marco Pereira, da Borandá

marco  toninho

O violão e o acordeon, dois instrumentos dos mais populares do Brasil, ao longo da história musical foram marcantes na formação de gêneros e de estilos, e ainda hoje continuam presentes de Norte a Sul do país. Marco Pereira e Toninho Ferragutti, dois dos principais representantes desses instrumentos, uniram se e provaram que, em dueto, o pinho e o fole permitem uma rica experiência artística. O resultado do encontro pode ser curtido em Comum de Dois, álbum com nove faixas lançado com o selo da gravadora Borandá. 

Continue Lendo “635 – Recomendação do Barulho d’água: Comum de Dois, de Toninho Ferraguti e Marco Pereira, da Borandá”

603 – Oswaldo Rios e Rogério Gulin dão sequência ao Circuito Dandô nas gaúchas Caxias do Sul e São Marcos

11822288_897336790304079_943061506372501148_n

Em mais duas rodadas do Dandô Circuito de Música Dércio Marques o público das cidades gaúchas de Caxias do Sul e de São Marcos poderão curtir as apresentações de Oswaldo Rios e de Rogério Gulin, integrantes do grupo paranaense Viola Quebrada. Em Caxias do Sul, a cantoria está marcada para começará às 20 horas da quarta-feira, 12 de agosto, na Sala de Teatro Valentim Lazzarotto, casa na qual serão recepcionados por violeiros locais. No dia seguinte, a partir do mesmo horário, Rios e Gulin ocuparão o palco do Auditório Municipal Joaquim Grizzon, junto à Prefeitura Municipal de São Marcos. Os anfitriões serão, igualmente, violeiros do município. 

Continue Lendo “603 – Oswaldo Rios e Rogério Gulin dão sequência ao Circuito Dandô nas gaúchas Caxias do Sul e São Marcos”

Rolando Boldrin canta em homenagem ao Dia das Mães e, na véspera, a atração será Almir Sater, no Guaíra (PR)

boldrin arte

O cantor, compositor e ator Rolando Boldrin (SP) homenageará as mães neste domingo, 10, a partir das 19 horas, com um show no Teatro Guaíra, da Prefeitura Municipal de Curitiba (PR). Antes do apresentador do Sr. Brasil (programa que neste ano está completando 10 anos no ar pela TV Cultura) subirá ao palco do Guaíra outro grande expoente da música regional: Almir Sater (MS). O violeiro tocará e cantará sucessos marcantes de sua carreira acompanhado da banda neste sábado, 9, a partir das 21 horas.

Para curtir ambos os shows, não haverá restrição de idades. O ingresso poderá ser adquirido pelo telefone (41) 3315-0808 e por meio dos endereços eletrônicos http://www.tguaira.pr.gov.br e http://www.diskingressos.com.br. O endereço do teatro é Rua XV de Novembro, 971, (41) 3304-7900.

almir sater artemosca