1446 – Léo Vieira (SC) conta com participações de Zé Geraldo e Ana Rafaela em disco de estreia*

Partilha & Solidão tem nove faixas e já está disponível em todas as plataformas digitais

*Com Nane Pereira Comunicação e Arte

O cantor e compositor Léo Vieira gravou Partilha & Solidão, álbum de música pop folk brasileira, partilhas, tons, sons e reencontros já disponível em plataformas digitais. O disco é o primeiro da carreira do artista e conta com a produção musical de Felipe Câmara e as participações especiais de Ana Rafaela, finalista do The Voice Brasil 2012, e de Zé Geraldo, referência do folk brasileiro, além de Ricardo Vignini, Estevão Queiroga, Danilo Moura e Adriano Magoo, entre outros nomes consagrados da cena musical. Vieira contou que resolveu encarar a empreitada após vivenciar experiências em estúdios e texturas sonoras diferentes com onze singles lançados, entre 2017 e 2020. “Era preciso produzir um trabalho com conceito que amarrasse as canções do início ao fim e que me representasse musicalmente da melhor maneira possível”, explicou Léo Vieira.

Partilha & Solidão foi viabilizado pelo 2º Prêmio Herbert Holetz do Fundo Municipal de Apoio à Cultura de Blumenau, edital 004/2019. É composto por nove canções: Viajante (Léo Vieira/Felipe Câmara/Serginho Carvalho), Passarinho da Sorte (Léo Vieira), Medo de Amar (Léo Vieira/Felipe Delatorre), But I Know (Léo Vieira participação de Ana Rafaela), O Som dos Meus Passos (Léo Vieira, com participação de Zé Geraldo), Você Parece o Mar (Léo Vieira/Felipe Câmara), Você Disse (Felipe Câmara/Rico Ayade), Amor-perfeito (Léo Vieira/Bryan Behr), Nova Noite (Léo Vieira), e mais duas faixas bônus em versão acústica: Passarinho da Sorte e Você Disse.

Ter o Zé e a Ana como participações especiais no meu primeiro disco da carreira certamente é uma grande honra pra mim”, disse Léo Vieira. “O Zé Geraldo é um grande pai e referência folk no Brasil, o trovador dos trovadores”, emendou. “É um dos meus maiores ídolos e a estrada me deu a sorte de ter sua amizade nos últimos anos”, prossegui. “É lindo poder trabalhar, de igual pra igual, com um cara com a história dele e que tem a idade do meu avô”. A outra participação especial é a da Ana Rafaela, que Vieira considera como “incrível” e relembra que foi finalista da primeira edição do The Voice Brasil quando tinha apenas 18 anos. “É uma grande amiga que encontrei pelo caminho”, observou. “Ela vem pra compartilhar esse DNA da nossa geração, de uma arte comprometida e bem fundamentada do século XXI.”

Cantor e compositor natural de Blumenau (SC), Léo Vieira iniciou a carreira profissional lançando o primeiro epê em 2016. No período, aos 17 anos, estabeleceu uma ponte com a cidade de São Paulo e passou a integrar a cena musical folk paulistana e a conquistar participações com artistas consagrados e oportunidades em mídia e espaços renomados da arte no país. Com Zé Geraldo, recém estreou o single e minidocumentário O Som Dos Meus Passos. O encontro de gerações nos mostra a solidez do caminho do artista, que já teve a companhia de Sérgio Reis em Cata Versos (2018). Vieira faz o pop contemporâneo flertar com a linguagem simples do interior. Vestindo definitivamente a alcunha de trovador pop, segue incansável cantando o amor e a vida, partilha e solidão, viagem e café da manhã. Saiba mais sobre ele em http://www.instagram.com/leovieira.folk

1049 – Aniversário de Sérgio Sampaio (ES) será comemorado com show tributo no Espaço 91 (SP)

Nesta sexta-feira, 13 de abril, o Espaço 91 receberá os músicos Danilo Moura, Victor Mendes, André Rass e Pedro Macedo, integrantes do Sampaio 70, grupo que presta tributo à obra do cantor e compositor capixaba Sérgio Sampaio. A apresentação de cerca de 1h20 está programada para começar às 20h30 na casa de espetáculos situada no bairro da zona Oeste paulistana Pompeia. Moura (voz) e Mendes (voz, violões e guitarra), que integram também o Trio José, começaram em 2013 a protagonizar homenagens ao autor da consagrada música Eu Quero É Botar Meu Bloco Na Rua, sempre nos meses de abril, quando Sampaio nasceu em Cachoeiro do Itapemirim (ES) justamente em 13 de abril, de 1947, um domingo. O projeto da dupla ganhou reforços no ano passado com a entrada de Macedo (contrabaixo) e Rass (percussão). O mesmo show será atração no sábado, 14, para o o público que frequenta o Parque da Cidade Roberto Burle Marx, em São José dos Campos (SP), cidade do Vale do Paraíba.

Continuar lendo

909 – Victor Mendes, integrante do Trio José, estreia carreira solo com “Nossa Ciranda”*

O cantor, compositor e instrumentista Victor Mendes lançou no começo deste ano Nossa Ciranda, seu primeiro disco solo. Aos 29 anos, Victor Mendes atualmente mora na capital paulista, município para onde se mudou de São José dos Campos com o objetivo de cursar História na Universidade de São Paulo (USP). Antes de fazer as malas e zarpar do Vale do Paraíba, contou, já se entendia com um violão da mãe e a guitarra dada de presente pelo pai, habilidades que começou a aprender bem cedo, aos 11 anos. Versátil, o filho do casal Márcia e Júlio também tem intimidade com a bateria e marcou presença na banda de rock que ele e os amigos batizaram de Ethama (Terra, em tupi-guarani), a qual legou aos fãs dois álbuns independentes antes de encerrar as atividades, em 2006.

Continuar lendo

860 – Músicos do Trio José prestam homenagem a Sérgio Sampaio (ES), “velho bandido” que cantava como quem bota o bloco na rua

Danilo Moura e Victor Mendes, músicos que formam o Trio José, vão homenagear o cantor e compositor Sérgio Sampaio nesta quinta-feira, 21 de abril. Para quem não vai enforcar o feriadão dedicado a Tiradentes indo à praia a dica é curtir este tributo a um dos gênios da música popular brasileira que há uma semana teria completado 69 anos, mas cuja vida foi tão intensa quanto curta. A cantoria está prevista para começar às 22 horas na casa situada à Rua Clélia, 285, Pompeia, zona Oeste de Sampa. A entrada custará 20 mangos.

Continuar lendo

649 – Cláudio Lacerda no Imagens do Brasil Profundo: a arte de melhorar o que já é ótimo!

cródio bma

Cláudio Lacerda, cantor e compositor paulistano, acompanhado por Daniel Franciscão (viola caipira) e Leonardo Padovani (violino), protagonizou na noite de quarta-feira, 16, mais um dos seus memoráveis shows, durante o qual cantou na Biblioteca Mário de Andrade, em São Paulo, sucessos da carreira que já soma três álbuns gravados, um prestes a ser colocado à disposição dos amigos e fãs (inúmeros, mas ainda poucos para um artista da sua magnitude e capacidade interpretativa e veia composicional!) e vários projetos dedicados à pesquisa, preservação e divulgação das tradições populares que abastecem o inesgotável e rico manancial da  música regional e de raiz nacionais, concebidos e costurados independentemente não sem mergulhar em dedicados estudos.  Cláudio Lacerda atendia ao convite do curador do projeto Imagens do Brasil Profundo, o professor de Sociologia Jair Marcatti, e mais uma vez provou: quando ele sobe ao palco o que já é normalmente ótimo pode ficar ainda melhor!

Continuar lendo

Trio José lança “em casa” Puisia, álbum que homenageia o poeta mineiro Juca da Angélica

trio josé artew

O Trio José vai apresentar as onze faixas do disco Puisia, no qual faz tributo ao poeta mineiro Juca da Angélica (Foto:Maria Rita Oliveira)

 

O Trio José, grupo paulista de São José dos Campos, vai lançar em show gratuito o álbum Puisia nesta terça-feira, 6, a partir das 20 horas, no Sesc daquela cidade, situada no Vale do Paraíba. 

As músicas de Puisia são compostas a partir de poemas do poeta popular mineiro Juca da Angélica. O repertório traz uma diversidade de gêneros como baião, ijexá, toadas, rock e jazz, e ainda contempla as influências de cada integrante. O Trio José estará no palco com Victor Mendes (voz/viola), Danilo Moura (voz/violão), Hugo Cardoso (contrabaixo) e André Rass (bateria).

Continuar lendo

Acordais e Trio José vão deixar mais poética a manhã de domingo, 23, com apresentações no Sr.Brasil

O grupo paulistano Acordais, formado pelo casal Joyce Carvalhaes e Alex Rocha, vai ser uma das atrações do Sr.Brasil que a TV Cultura levará ao ar neste domingo, 23, a partir das 10 horas. Em outro bloco da mesma edição, Rolando Boldrin receberá o Trio José, três amigos de São José dos Campos que recentemente lançaram Puisia. Os convidados são novidades das melhores no cenário musical brasileiro e encantaram a plateia. O público assistirá, também, a declamação de Boldrin para o poema Carreiro (Zé do Norte), em um dos mais belos momentos do programa que ele comanda há 34 anos, dos quais nove na emissora pública da Fundação Padre Anchieta de São Paulo.

Acordaisw

O casal Alex e Joyce forma o Acordais, uma das novidades do cenário musical paulista, que canta composições próprias sobre a simplicidade da vida no campo (Fotos de Marcelino Lima)

Continuar lendo

Trio José leva “Puisia” a São Caetano do Sul (SP) após passagem pelo Sr.Brasil

Boldrin Triow

Rolando Boldrin apresenta à plateia do Sr.Brasil o disco “Puisia”, do Trio José, com composições que reúnem poesias do mineiro Juca da Angélica e letras que valorizam a a oralidade e é um passeio por costumes do interior.   (Fotos de Marcelino Lima)

Recente atração do Sr. Brasil, para o qual a TV Cultura gravou na noite de terça-feira, 14, mais um programa que em breve irá ao ar sobre o comando de Rolando Boldrin, o Trio José estará neste sábado, 18, a partir das 15 horas, na Rick and Roll Disco, situada na avenida Conde Francisco Matarazzo, 85, loja 5,  Centro de São Caetano do Sul (SP). O grupo, de São José dos Campos (SP), está lançando o primeiro álbum, intitulado Puisia, cujas canções destacam a obra do poeta mineiro Juca da Angélica. Representante da rica cultura oral no país, aos 96 anos, Juca da Angélica ainda declama com entusiasmo alguns versos da sua extensa obra.

Continuar lendo

Acordais e Trio José encantam plateia em mais um Sr.Brasil, com Rolando Boldrin

Acordaisw

O casal Alex Rocha e Joyce Carvalhaes, fundadores do Acordais, que esteve no Sr.Brasil em 14/10 (Fotos: Marcelino Lima)

O Barulho d’água Música acompanhou na noite da terça-feira, 14 de outubro, mais uma gravação no teatro do SESC Pompeia do programa Sr.Brasil.

Os convidados de Rolando Boldrin, desta vez foram, o grupo Acordais, que tem a participação de Jica, da dupla Jica Y Turcão, e o Trio José, este formado por amigos de São José dos Campos. Ambos são novidades das melhores no cenário musical brasileiro e encantaram a plateia.

Continuar lendo