1109 – Matuto Moderno (SP) faz show para comemorar 20 anos de trajetória e convida André Abujamra

Apresentações da banda que divulga a música caipira com pegada de rock serão na Caixa Cultural São Paulo, com ingressos gratuitos*

A tradição musical do Sudeste brasileiro, ao som da viola caipira, parecia não ter nada em comum com o rock, até que cinco músicos se uniram para formar o Matuto Moderno no final da década dos anos 1990 e derrubaram a crença de que música de raiz atrai apenas tiozinhos. Desde então, a banda formada por Ricardo Vignini (viola caipira), Zé Helder (viola caipira e vocal), Edson Fontes (vocal e catira), Marcelo Berzotti (baixo e vocal), André Rass e Carlinhos Ferreira (percussão) tem se apresentado nos palcos mais nobres de São Paulo, em outras regiões do país e até no Exterior, com participações especiais de diversos artistas brasileiros. Agora, para comemorar 20 anos de trajetória, os matutos convidaram André Abujamra para tocar e cantar com eles, entre a quinta-feira, 20, e o domingo, 23 de setembro, no palco do teatro da Caixa Cultural São Paulo (veja a guia Serviços).

Continue Lendo “1109 – Matuto Moderno (SP) faz show para comemorar 20 anos de trajetória e convida André Abujamra”

609 – Dráusio Silva, da banda Subtotal, comemora aniversário… e festeja nova vitória alvinegra, em Osasco (SP)

O Barulho d’água Música registra que no sábado, dia 15 de agosto, comemorou aniversário o cantor e compositor Dráusio Silva, um dos integrantes da Banda Subtotal, de Osasco. Drausião, como é conhecido pelos amigos lá de Oz e quebradas circunvizinhas, entretanto, deixou para celebrar a data hoje, após o apito final do jogo que o Corinthians venceu contra o Avaí, por 2×1, em Santa Catarina, pelo Campeonato Brasileiro da Série A, de virada. Como um experiente louco do bando, ele presentia que a vitória viria para tristeza dos manos e parças de música Salatiel Silva e Paulo Netho, entre outros pés-frios que, enquanto a bola rolava lá na Ressacada, em vão secavam o Todo Poderoso e também o balde de geladas que Dráusio Silva colocou à disposição da galera! 

O blogue deseja então, em nome de todos os seguidores e amigos, felicidades e sucesso sempre, Dráusio, votos extensivos aos componentes da banda!

A Subtotal é formado pelos irmãos Drausio Silva (guitarra, violão e acordeon), Douglas Silva (guitarra e vocal), Marco Soledade, o Pepito (bateria e percussão), Juracy Ângelo (percussão) e Zeca Souza (contrabaixo). Formada no início dos anos 1980, é referência no circuito underground paulistano e levou a alguns templos sagrados como o Lira Paulistana, casa da vanguarda da música de Sampa que funcionou entre 1979 e 1986, o trabalho de composições próprias que mescla punk, tropicalismo, baião, funk, reggae e até bossa nova e samba, além claro, de rock. 

“Sempre quando nos apresentamos ouvimos a pergunta que tipo de som fazemos, ou seja, qual seria o estilo que adotamos, já que a música brasileira está cheia de rótulos”, emendou. “Eu respondo: não temos nenhum. Produzimos o que gostamos, sem a preocupação de agradar este ou aquele segmento. E quem faz o que quer… sempre correrá o risco de fazer algo bizarro!”, concluiu o vocalista, já explicando por qual motivo o álbum da Subtotal tem o título M.úsica P.ropositadamente B.izarra, que conta com a participação do aniversariante de amanhã, Edvaldo Santana!

me and tommy w

Dia da Música terá mais de 100 shows no Brasil em junho. Bandas já podem pedir votos e público indicar favoritas.

1422998710.highlight

As cidades de São Paulo e do Rio de Janeiro abrigarão mais de um centena de shows e dezenas de outros ocorrerão pelo Brasil durante 20 e 21 de junho, datas reservadas ao Dia da Música, evento organizado e patrocinado  por empresas ou grupos como o GVT e a Rede Globo, além da Prefeitura Municipal do Rio de Janeiro e da Secretaria de Cultura do Governo do Rio de Janeiro, em parceria com os promotores mundiais da Fête de la Musique.

Continue Lendo “Dia da Música terá mais de 100 shows no Brasil em junho. Bandas já podem pedir votos e público indicar favoritas.”

Subtotal e Bocato dividem palco do Ecos Musicais no Sesc do Buraco Quente*

Subtotal
A Banda Subtotal, com “canja” de Bocato, durante a apresentação no Sesc de Osasco, dentro do projeto Ecos Musicais (Fotos Marcelino Lima)

A Banda Subtotal encerrou no domingo, 25, a programação de janeiro do Ecos Musicais, do Sesc Osasco, oferecendo aos fãs e público que estavam naquela unidade um show de primeira, com direito a participação especial do trombonista Bocato, curador do projeto que  propõe a divulgação de trabalhos autorais e de pesquisa musical de novos artistas da cidade e da região, selecionados dentre os diversos gêneros musicais de intérpretes, instrumentistas e compositores.

 

O grupo pôs no palco os irmãos osasquenses Drausio Silva (guitarra, violão e acordeon), Douglas Silva (guitarra e vocal), Marco Soledade, o Pepito (bateria e percussão), Juracy Ângelo (percussão) e Zeca Souza (contrabaixo). Formada no início dos anos 1980, a Subtotal é referência no circuito underground paulistano e levou a alguns templos sagrados como o Lira Paulistana, a casa da vanguarda de Sampa situada em Pinheiros entre 1979 e 1986, o trabalho de composições próprias que mescla punk, tropicalismo, baião, funk, reggae e até bossa nova e samba, além claro, de rock.

Continue Lendo “Subtotal e Bocato dividem palco do Ecos Musicais no Sesc do Buraco Quente*”