1086 – Brasil dá adeus a Amaraí, eternizado por “Saudade de Minha Terra”

Voz que gravou uma das joias do nosso cancioneiro foi parceiro de Belmonte, com quem legou à cultura caipira mais de 20 sucessos de todos os tempos
Marcelino Lima

O corpo de Domingos Sabino da Cunha, o Amaraí, foi sepultado no domingo, 22, em Alfenas, cidade mineira na qual também descansa Índio Cachoeira, que morreu em abril. Amaraí não resistiu a um infarto sofrido na véspera e deixou quatro filhos, entre os quais Francis Júnior, cantor que aparece no vídeo abaixo, compositor, músico, produtor e intérprete atual do antigo parceiro mais afamado do pai, Belmonte — que se chamava Pascoal Zanetti Todarelli e partiu tragicamente bem antes do combinado em 1972, vítima de um acidente automobilístico no interior paulista, prestes a completar 35 anos. Ao lado de Belmonte, Amaraí ganhou fama como um dos intérpretes da canção Saudade da Minha Terra, considerada o hino do meio caipira.

Continue Lendo “1086 – Brasil dá adeus a Amaraí, eternizado por “Saudade de Minha Terra””

950 – Katya Teixeira volta ao Sesc Belenzinho (SP) e recebe convidados para lançar Flores do Meu Terreiro

A cantora, instrumentista e compositora paulistana Katya Teixeira ocupará o palco da unidade Belenzinho do Sesc de São Paulo na noite deste sábado, 13 de maio, para lançamento de As Flores do Meu Terreiro, nome que escolheu para o sexto álbum da carreira em cuja trajetória vem se destacando como ícone da música regional brasileira. Conhecida e querida tanto pela fibra, quanto pela generosidade que complementam seu indiscutível talento, Katya Teixeira não apenas representa uma bandeira em defesa da música independente e de qualidade: carrega-a, literalmente, pelo país afora e também pelo exterior, transmitindo e recolhendo por onde passa saberes e sonoridades que contribuem para revelar não apenas traços da mestiça identidade brasileira, mas descobrir o que em nós há de comum com outros povos. 

Desta forma e neste intercâmbio a garimpar novos e ancestrais valores pelo Brasil, o trabalho de Katya Teixeira tanto reflete as andanças – os quais acabam por serem incorporados à sua musicalidade — como é correia pela qual repassa os próprios. À medida que, ainda, presta reverência aos mestres populares que a influenciam em 23 anos de estrada, vem percorrendo nesta missão países da América do Sul e da Europa para promover shows, vivências e oficinas. Nascida em família de músicos e pesquisadores, portanto, estamos diante de um nome que personifica uma tríade brasileira e latino-americana (euro-afro-indígena) protagonista de um rico diálogo artístico no qual todas as linguagens não apenas se tornam possíveis, mas complementares e universais.

Continue Lendo “950 – Katya Teixeira volta ao Sesc Belenzinho (SP) e recebe convidados para lançar Flores do Meu Terreiro”

910 – Músicos da Argentina, do Brasil e do Chile protagonizam show de encerramento do III Encontro Nacional do Circuito Dandô

Katya Teixeira, João Arruda, Rodrigo Zanc e o Duo Flor de Maracujá (SP)*; Sol Bueno, Erick Castanho, Marcelo Taynara, André Salomão, Nádia Campos, Ana F., Ricardo Rodrigues, Adriano Bianchini, Letícia Leal, João Mendes Rio (MG); Giancarlo Borba, Cardo Peixoto, Cristiano Nunes, Mara Muniz, Roberto Pohlmann (RS); Isabela Rovo, Victor Batista, Cabocla Inez, Pedro Vaz, Milla, Franklin Borges, Rosa Barros (GO); Oswaldo Rios (PR); e Maryta de Humauaca, Marina Luppi, Anália Garcetti (Argentina) e Cecilia Concha-Laborde (Chile) vão subir ao palco do Teatro Experimental de Uberaba (MG) neste sábado, 18, a partir das 20 horas, para protagonizarem o espetáculo de encerramento do III Encontro Nacional do Dandô Circuito de Música Dércio Marques e I Encontro Latino Americano. Os dois eventos simultâneos estão transcorrendo desde a quarta-feira, 15, na Casa do Folclore, situada na mesma cidade do Triângulo Mineiro, onde os músicos, acolhidos pelo anfitrião, o empresário Gilberto Rezende, planejam a temporada do quinto ano consecutivo do projeto concebido por Katya Teixeira.

Continue Lendo “910 – Músicos da Argentina, do Brasil e do Chile protagonizam show de encerramento do III Encontro Nacional do Circuito Dandô”

857 – Galeria do Sr. Brasil entroniza Dércio Marques (MG) ao lado de músicos notáveis como Noel Rosa e Tom Jobim

Estandarte com a imagem de Dércio Marques foi entronizado ao lado de outros de expoentes da música brasileira de qualidade que decoram as paredes laterais à plateia e ao palco do teatro do Sesc Pompeia, situado em São Paulo, no qual transcorrem as gravações do programa Sr. Brasil, capitaneado por Rolando Boldrin. O querido apresentador sempre gosta de contar ao público antes de começar a receber os convidados a razão pela qual — em trabalho conjunto com sua produção, que tem à frente a esposa, Patrícia Maia, e ainda o sobrinho, Lenir Boldrin — decora o ambiente com as bandeirolas remissivas às congêneres de festas santificadas e relembra fatos e dados sobre a biografia dos homenageado. Boldrin comenta que alguns daqueles artistas que formam o altar póstumo “partiram antes do combinado”, salienta que todos deixaram lacunas e que todos, independentemente do estilo ou vertente musical que representavam, contribuíram de forma irrefutável à cultura popular e à preservação de tradições brasileiras. E antes de dar o “ok” para que entre a primeira atração da noite, pede humildemente aos ídolos que abençoe os trabalhos e todos os envolvidos.

Continue Lendo “857 – Galeria do Sr. Brasil entroniza Dércio Marques (MG) ao lado de músicos notáveis como Noel Rosa e Tom Jobim”

800 – Barulho d’água Musica completa discografia do violeiro, compositor e professor Ivan Vilela (MG)

ivan arte sesc instrumental

O compositor, arranjador, pesquisador e professor universitário Ivan Vilela (Itajubá/MG) forneceu ao Barulho d’água Música arquivos de sua obra fonográfica que incluem álbuns hoje raros como Hortelã e Vereda Luminosa, Teatro do Descobrimento e Espiral do Tempo. Ivan Vilela é considerado um dos mais talentosos violeiros de todos os tempos no Brasil e não apenas em seu meio já que é muito respeitado entre os colegas músicos de todos os segmentos e ainda na Academia, ambiente no qual ajudou a despertar o interesse pelas pesquisas e produções cujo tema é a viola caipira e o universo rural a ela associado, incluindo costumes e o linguajar em variados períodos desde a colonização por Portugal. É autor de Cantando a própria história – Música caipira e enraizamento, livro da Editora da USP (Edusp). 

Continue Lendo “800 – Barulho d’água Musica completa discografia do violeiro, compositor e professor Ivan Vilela (MG)”

754 – Apoie a campanha de Katya Teixeira (SP) para gravar “As Flores do Meu Terreiro”, quinto álbum e primeiro autoral da carreira!

kt niver

As Flores do Meu Terreiro é o nome que a cantora paulistana Katya Teixeira escolheu para batizar aquele que conforme projeta será o quinto álbum da carreira já com 21 anos de trajetória, ofício que a transformou em ícone da música regional brasileira. Katya Teixeira, conhecida e querida tanto pela fibra, quanto pela generosidade que complementam seu indiscutível talento, não apenas representa uma bandeira em defesa da música independente e de qualidade: carrega-a, literalmente, pelo país afora e também pelo exterior, levando por onde passa importantes valores de nossa cultura popular, alguns dos quais não apenas ajuda a divulgar, mas recupera, revaloriza e, portanto,  colabora para preservar.

Continue Lendo “754 – Apoie a campanha de Katya Teixeira (SP) para gravar “As Flores do Meu Terreiro”, quinto álbum e primeiro autoral da carreira!”

748 – João Arruda e Nádia Campos, recebidos pelo Sankara Duo, levam ao Chile o Dandô Circuito de Música Dércio Marques

joão e nádia

O Dandô Circuito de Música Dércio Marques, premiado projeto idealizado pela cantora e compositora paulistana Katya Teixeira, completando o segundo ano, atravessou fronteiras e está chegando ao Chile, país sul-americano no qual estará representado no dia 9 de dezembro pelos músicos João Arruda e Nádia Campos. Os brasileiros serão recebidos por Felipe Ignacio Valdez Carraha e Fernanda Mosquera Castro, que formam o Duo Sankara, anfitriões do show marcado para começar às 20 horas no teatro da La Casona Nemésio Antúnez, cujo endereço é avenida Alcalde Fernando Castillo Velasco, 8.580, a ex-avenida Larran, situada em La Reina, Santiago. O ingresso custará $ 3.000.

Continue Lendo “748 – João Arruda e Nádia Campos, recebidos pelo Sankara Duo, levam ao Chile o Dandô Circuito de Música Dércio Marques”

720 – André Salomão canta e toca pelo Dandô Circuito de Música Dércio Marques em cidades de SP e MG

O cantor e compositor André Salomão estará de volta a São Paulo, estado de origem dele, para duas apresentações pelo Dandô Circuito de Música Dércio Marques. Em Guarulhos, primeira escala da viagem, André Salomão tocará com entrada franca a partir das 20 horas na Biblioteca Monteiro Lobato, onde terá por anfitrião Kaique Falabella. No dia seguinte, no mesmo horário, será a vez de o público de Campinas prestigiá-lo, agora no Centro Cultural Casarão, em Barão Geraldo. A honra de recebê-lo no palco caberá ao Pareia Baião de Dois, formado por Mirna Rolim e Bruno Dutra.  A turnê pelo Dandô Dércio Marques ainda levará o musico e educador a Caldas (MG). Lá, o bacurau cantante João Bá vai fazer a abertura da cantoria programada para começar às 17 horas do domingo, 15, no Barracão de Artes e Criatividade.

12188998_1023762284313568_5155200841452660784_n

Continue Lendo “720 – André Salomão canta e toca pelo Dandô Circuito de Música Dércio Marques em cidades de SP e MG”

712 – Pereira da Viola é atração de mais uma rodada do projeto Canto & Viola em Belo Horizonte (MG)

pereira da viola

Se melhorar vira rapadura, uma alegria astronômica: um dos mais aclamados e queridos violeiros caipiras do Brasil, o mineiro Pereira da Viola, oriundo de São Julião, distrito de Teófilo Otoni, no Vale do Mucuri, cantará e tocará nesta quarta-feira, 4, a partir das 19h30, no Cine Teatro Brasil Vallouréc, situado em Belo Horizonte. José Rodrigues Pereira, o Pereira da Viola, é convidado dos produtores culturais Luiz Trópia e Tadeu Martins e animará mais uma rodada do projeto Canto & Viola trazendo ao público canções derivadas das pesquisas que empreende sobre a cultura popular no norte das Alterosas, especialmente o Vale do Jequitinhonha, uma das regiões mais pobres do Brasil, mas ricas em diversos tipos de manifestações artísticas e religiosas, além de sucessos de sua carreira marcada por canções autorais que expressam com delicada poesia a força e a magia da viola brasileira.

Continue Lendo “712 – Pereira da Viola é atração de mais uma rodada do projeto Canto & Viola em Belo Horizonte (MG)”

680 – Colabore com o projeto de Déa Trancoso (MG) para lançamento de Líricas Breves para a Construção de uma Alma

vinde a mim, ó flor da noite!
reluza flor da noite. exale a fragrância inodora. cesse os sentidos e transcenda a alma em silêncio absoluto. reluza ó flor da noite. entoe o canto que nenhum ouvido ouve. transforme as dez mil reuniões em silêncio oco, em cabeça oca, em oco desconhecido. reluza flor da noite. reluza e lave os meus olhos no rastro potente de tua luz. reluza minha escuridão! refaça-me em luz e flor, ó flor da noite. vinde a mim. atraia-me. reintegre-me. seja eu. Déa Trancoso

Nova Imagem
Foto: Lori Figueiró

Está em andamento campanha de financiamento coletivo para arrecadação de contribuições de amigos e admiradores ao projeto Líricas Breves para a Construção de uma Alma, estreia editorial da cantora Déa Trancoso (Almenara/MG) por meio da qual a autora aborda caminhos e descaminhos, sonhos e realidades, buscas incessantes e mergulhos profundos em si mesma discorrendo sobre temas que ainda são tabus sociais e pessoais (como a morte, por exemplo), os quais marcam a trajetória de um ser humano que pretende construir uma alma enquanto está encarnado. As colaborações à obra dão direito a recompensas, estão sendo recolhidas pela Agência de Comunicação e Produtora Cultural Variável 5 (V5) e partem de R$ 10,00.

(Uma sugestão apresentada por um amigo de Déa Trancoso é comprar o livro de presente antecipado de Natal para repassá-lo para quem se quer bem: a recompensa que dará direito ao exemplar, autografado, é de 50,00, valor que já inclui a despesa com frete, para todo o Brasil, além de uma carta de agradecimento, escrita à mão).

Continue Lendo “680 – Colabore com o projeto de Déa Trancoso (MG) para lançamento de Líricas Breves para a Construção de uma Alma”