Barulho d'Água Música

Veículo de divulgação de cantores, duplas, grupos, compositores, projetos, produtores culturais e apresentadores de música independente e de qualidade dos gêneros popular e de raiz. Colabore com nossas atividades: leia, compartilhe e anuncie!


Deixe um comentário

1018 – Do Vale do Pajeú para o mundo: Maria Dapaz traduz em suas canções a alma festiva e musical dos brasileiros

O Barulho d’água Música apresenta aos amigos e seguidores que ainda não a conhecem Maria Dapaz, cantora e compositora pernambucana, residente em São Paulo e que já soma 17 álbuns na bagagem, lançados entre 1981 e 2015.  Desta prodigiosa obra, o blogue destaca Outro Baião (2013), indicado ao 25º Prêmio Brasileiro da Música, promovido em 2014. Gravado em Recife, capital do estado natal de Maria Dapaz,  Outro Baião, conforme destaca o texto de apresentação disponível no sítio eletrônico da artista, é “uma explosão de brasilidade”. O autor do artigo, Luis Avelima, comenta, ainda, que o álbum a consolida como uma das compositoras de grandes possibilidades, traduzindo em suas canções a alma de um Brasil festivo e musical.

Continuar lendo

Anúncios


2 Comentários

Zé Geraldo anuncia em Osasco (SP) gravação de novo disco e conta que fará homenagem a Tim Maia

zegeraldoarte

Zé Geraldo saiu de casa muito cedo, em Rodeiro, cidade da Zona da Mata de Minas Gerais e tornou-se um dos mais cultuados cantores e compositores da música brasileira; aos 70 anos ele esbanja alegria, disposição e criatividade para seguir cantando e tocando canções que têm um pé no rock, outro no mato (Fotos: Marcelino Lima)

O cantor e compositor Zé Geraldo anunciou durante show na noite de sábado, 21, no Sesc de Osasco, cidade da Região Oeste da Grande São Paulo, que já está gravando um novo álbum, com previsão de lançamento ainda neste ano. No disco, o mineiro de Rodeiro homenageará o amigo com o qual contou ter morado na década dos anos 1960, o saudoso ícone da soul music Tim Maia. Zé Geraldo deu a notícia para o público antes de interpretar,  junto com sua banda, O Dia de Santo Reis, canção escolhida para o “mais um, mais um” e agitar ainda mais a plateia: desde o começo da apresentação, o público o acompanhava cantando música por música e dançando sem parar.

Continuar lendo